Palcos & Letras

Festival ao Largo de volta ao São Carlos

largo

A partir do dia 30 de Junho e até ao dia 31 de Julho o Largo do Teatro Nacional São Carlos volta a acolher a terceira edição do Festival ao Largo.

Depois do sucesso alcançado com as duas primeiras edições, as noites de Verão voltarão a estar preenchidas por perto de duas dezenas de espectáculos que vão da música sinfónica, coral-sinfónica até à dança. Mais uma vez realizar-se-á ao ar livre e com o apoio principal do Turismo de Portugal e produção do Opart.

Como sempre, a entrada será livre e estarão presentes as principais orquestras nacionais. Além da residente Orquestra Sinfónica Portuguesa, subirão também ao palco a Orquestra Gulbenkian e a Orquestra Metropolitana de Lisboa. Consagrados cantores líricos Portugueses fazem também parte da agenda, onde se destacam Jorge Vaz de Carvalho (barítono), Mário João Alves (tenor), Susana Gaspar (soprano) e João Fernandes (baixo).

Estarão ainda presentes no festival os maestros britânicos Martin André (director artístico do São Carlos) e Julia Jones, os portugueses Pedro Neves e Cesário Costa, o austríaco Peter Guth e o italiano Giovanni Andreoli, responsáveis pela direcção musical das noites englobadas no “Ciclo de Música”

As sonoridades serão diversas e apresentar-se-ão num espectro que vai de Mozart, Dvorák, Bizet, Strauss, Verdi, Rossini, Tchaikovski a Donizetti.

O destaque deste ano vai para a participação internacional na noite Músicas do Mundo, onde os Ensemble Tuva, oriundos da república Russa de Tuva apresentarão um alinhamento de canções tradicionais acompanhadas de instrumentos típicos.

Diálogos, Pianos & Percussão é uma novidade desta 3ª edição do Festival. A proposta musical reúne, a 13 e 14 de Julho, 4 pianistas de renome internacional – Mário Laginha com Bernardo Sassetti e Artur Pizarro com Vita Panomariovaite – acompanhados por dois percussionistas de excepção: Elizabeth Davis e Pedro Carneiro.

Nesta edição, o Festival ao Largo estreia também um convite ao seu já conhecido público: “Venha dançar a valsa no Largo de São Carlos!”. A 16 e 17 de Julho, o maestro austríaco Peter Guth dirige a Orquestra Sinfónica Portuguesa na interpretação de conhecidas valsas e polcas da família Strauss, proporcionando ao público do Festival a hipótese de experimentar a magia da valsa vienense em pleno Chiado lisboeta.

O Festival ao Largo começa a consolidar-se como uma festa de música e dança fundamental para a agenda cultural da cidade de Lisboa. O Largo de São Carlos, no Chiado, após as festas dos santos populares de Lisboa prepara-se para receber um festival que tem pautado pela excelência e criteriosa selecção na escolha do cartaz.

Conheça aqui o cartaz completo:

programacao

Fotografia inicial: Ricardo Brito – 2010

Categorias
Palcos & Letras

Estudante de Farmácia, amante das ciências e das artes. Gosto particular por entretenimento em diversas áreas: televisão, cinema, teatro, música.

Comentários