Televisão

Clima entre João J. e Daniela S.

Parece que o cupido atingiu a casa neste primeiro dia de Novembro.  João J. desde de manhã não tem largado Daniela S. com mimos e palavras melosas, não perdendo oportunidade de lançar um piropo ou uma observação mais atenciosa. Será que o rock’n’roll da semana passada deu frutos?

«Há cada coisa nesta Casa…», lança João J., com olhar perdido. Daniela S. não se fica e pergunta, trocista: «Então apaixonaste-te de um dia para o outro?». «Mas isso não é Segredo nenhum!», diz Miguel. Daniela S. começa a apontar razões para João J. não pode estar apaixonado por ela: ela gosta de bares com fumo, ela gosta de discotecas com muito barulho, ela tem tatuagens, ela é divorciada («E o que Deus uniu que o Homem não separe!»), ela é canhota («E a Igreja dizia que os canhotos são ‘pessoas do mal’»). Enfim, só razões para a paixão de João J., na opinião da psicóloga, ser, no mínimo, duvidosa.

A concorrente de Torre Vedras acredita que o tocador do acordeão  está em missão e está a fazer tudo para a chatear. A verdade é que o clima que se vem sentindo culminou numa conversa a sós, onde Daniela S. diz que não pode dar azo a qualquer evolução entre eles porque não sabe o seu segredo e não pode confiar nele, afirmando até que ele pode ser padre e que essa seria uma situação embaraçosa. João J. refuta e diz que não é missão e Daniela S. acaba por confessar (ainda que pouco convencida) que tem um carinho muito especial por ele e que se ficarem mais tempo na casa é provavel que se envolvam.

Será que vamos ter um novo casal na casa?

Categorias
Televisão

Designer de profissão, apaixonada por tudo o que é visual e cultural. https://www.facebook.com/sarayall.design

Comentários