Destaques

Ler Dom Quixote no Teatro Municipal São Luiz

O Teatro Municipal São Luiz continua a promover a leitura de Dom Quixote. A próxima sessão tem como convidada Pilar del Rio, no dia 29 de novembro. No dia 13 de dezembro será Fernando Mora Ramos a figura que encerrará o primeiro trimestre de leituras, numa sessão especial. As sessões acontecem às 21 horas e têm entrada livre.

Este projeto, que conta com a colaboração do Instituto Cervantes, teve início a 20 de setembro do corrente ano e estará presente nas próximas temporadas do São Luiz, conforme garante o teatro num comunicado enviado à imprensa. A cada duas semanas, juntam-se no São Luiz os comissários desta iniciativa, Teresa Albuquerque e Alvaro Garcia de Zuñiga, que têm moderado pequenos encontros literários cada um com um convidado especial. O objetivo deste projeto de leitura é juntar, num variado conjunto de espaços de que dispõe o teatro (Jardim de Inverno, palco, sub-palco e sala de ensaios), uma comunidade de leitores e celebrar um dos maiores textos literários de sempre, da autoria de Miguel de Cervantes. Este é um projeto que se sabe quando começa mas que não se sabe quando acaba, dada a extensão do texto em questão. Mas que nos faz lembrar da fragilidade e da força humanas. “Para nos lembrarmos das interrogações universais que levantamos a cada passo que damos“.

Programar a leitura integral do Dom Quixote de la Mancha é, evidentemente, quixotesco. Por isso mesmo, nada poderia fazer mais sentido. Neste momento, como de resto em qualquer outro, porque na realidade estamos sempre no tempo do Quixote. Assim sendo, lá iremos espetar-nos contra os seus cento e vinte e seis capítulos, como se de moinhos de palavras se tratassem […] E acredite-se: vai ser divertido. Divertidíssimo, diria! Porque o Quixote é um livro muitíssimo divertido. E diverso. Tanto, que iremos desbravando caminho e temas, sem nos fixarmos numa direcção precisa – como, por acaso, ele mesmo fez ao deixar o seu cavalo, Rocinante, livre de escolher o rumo de suas andanças. Além das surpresas que da leitura virão, teremos outras… Já que não só de ler se trata, mas também de falar, comentar, discutir, pôr em relação, fazer música, teatro e até passar filmes e tudo o mais. É que, em definitivo, o mundo do Quixote não encerra em si o Mundo, ultrapassa-o.

Citação de Alvaro Garcia de Zuñiga

Mais informações no site oficial do Teatro São Luiz: http://www.teatrosaoluiz.pt/catalogo/detalhes_produto.php?id=245.

Categorias
DestaquesTelevisão

Comentários