Destaques

Acabaram-se os segredos!

Nesta noite todos os segredos são desvendados no reality-show mais secreto do país. Teresa Guilherme abre as portas do confessionário aos dois últimos segredos, ainda por desvendar.

Fanny confessa-se: “Sou consumidora compulsiva”. As compras deixam-na louca! Apesar de ter sido a concorrente que levou mais roupa para dentro da casa, os outros concorrentes não percebem esta sua obsessão. Fanny diz que “todos os dias tenho de ir às compras, todos os dias os meus pais me dão na cabeça, todos os dias gasto dinheiro em roupas”. Depois de confessar que gasta mais de 4.000€ em compras, por mês, a concorrente da Suiça pede às lojas que se preparem, três meses fechada na casa estão a deixá-la cheia de vontade de fazer muitas e muitas compras.

João Mota declara: “Fui vítima de violência doméstica”. Depois de dizer que gosta de personalidades difíceis, o concorrente explicou que aos 16 anos conheceu uma rapariga extremamente bonita na escola e que se apaixonou. João diz que foi uma conquista difícil e que a paixão se tornou num grande amor. Passados alguns meses, João detalhou o primeiro episódio de agressão: ao elogiar Cláudia Vieira, numa cena de telenovela, a namorada terá dado um pontapé no concorrente deixando-o a sangrar. Apesar da situação, João perdoou-a e quando, mais tarde, se mudam para Lisboa a situação piora e as agressões sucedem-se. Tudo terminou quando a namorada decidiu ir passar férias e o concorrente algarvio decidiu desistir desta relação.

Numa noite em que todos os segredos foram revelados, restam as surpresas dentro da casa. Estão ainda por revelar os segredos de Cátia, Miguel, Fanny e João M. Aguardam-se semanas de pistas e muita diversão em torno dos segredos, será a perspicácia um atributo dos concorrentes que restam dentro da casa mais secreta do país? Veremos…

Categorias
DestaquesTelevisão

Se o Jornalismo não se pode considerar uma ciência temos certamente de olhá-lo como uma arte. A arte de saber contar estórias e marcar a história. Estudante de Jornalismo (ESCS-IPL)

Comentários