Televisão

“O Fim do Ano–Relatório e Contas” é a oferta da RTP para a noite de 31

Anunciadas que estão as galas de Peso Pesado 2 e Secret Story 2 – Casa dos Segredos, eis que a RTP apresenta a sua proposta. Depois de um ano marcado pelos cortes, pela austeridade e por apertos de cinto que quase nos levavam de vez a vontade de rir, a RTP tem a honra de anunciar que foi a estação escolhida para apresentar, com a ajuda dos seus comediantes, os resultados de 2011 para apreciação da Troika. Nas últimas horas do ano, os humoristas da casa reúnem-se para prestar contas e mostrar tudo o que se passou e foi feito ao longo do ano na Saúde, na Cultura, no Desporto, na Política, na vida dos ricos, etc., na esperança de conseguirem boa nota e não chumbarem no teste.

Herman José é o grande anfitrião da noite, conduzindo a emissão e estabelecendo as ligações entre os sketches de humor, os pequenos momentos musicais humorísticos e as participações em palco de Ana Bola, Maria Rueff, Joaquim Monchique, Eduardo Madeira, Manuel Marques, João Baião e Fernando Mendes.

Passada a meia-noite, os “Exm.ºs Senhores da Troika” trocam as últimas impressões entre si e apresentam, finalmente, a avaliação final, que irá ser positiva e bastante favorável mas, inevitavelmente, apenas o prelúdio para mais uma dose de cortes. Depois do parecer da Troika, os comediantes fazem, então, uma espécie de antevisão do ano de 2012, falando sobre o que poderá acontecer e lançando alguns sketches de humor sobre o futuro que está próximo. Permanentemente em palco, acompanhando as entradas e saídas dos comediantes, bem como os números musicais, está a orquestra do programa Herman 2011, liderada pelo Maestro Pedro Duarte.

Está assim apresentada a proposta da RTP para, numa altura de austeridade, uma divertida passagem de ano.

O Fim do Ano – Relatório e Contas dia 31 às 22h00, na RTP1. Antes disso, das 21h às 22h, também Pedro Granger aparecerá para um especial de O Elo Mais Fraco com convidados conhecidos da área da música.

Autoria e produção: Produções Fictícias
Textos: Joana Marques, Mário Botequilha, Patrícia Castanheira, Roberto Pereira e a coordenação de Maria João Cruz

Categorias
Televisão

Se o Jornalismo não se pode considerar uma ciência temos certamente de olhá-lo como uma arte. A arte de saber contar estórias e marcar a história. Estudante de Jornalismo (ESCS-IPL)

Comentários