Televisão

Última Batalha em “A Voz de Portugal”

Depois de uma noite mágica de Natal vamos dar as boas vindas a 2012 com muita e boa música!  Aqui só há lugar para os melhores dos melhores. Estão preparados para a última batalha d’A Voz de Portugal? Os concorrentes estão ansiosos e 21 já conseguiram o seu lugar nos diretos! Só sobram 7 lugares para os quais vão estar a concorrer 14 candidatos!

Conheça agora as duplas a defrontar-se e o reportório da primeira noite do novo ano:

Pela equipa do Paulo Gonzo:

Pedro Coelho vs. Aline Bernardo com “Somewhere only we know” dos Keane
Em 2000 Pedro participou em alguns programas de talentos e sempre organizou bandas de covers. Fez também backvocals nos Festivais da Canção de 2010 e 2011. Atualmente faz parte da banda Pedro e os Incógnitos.
Foi aos 22 anos que Aline decidiu submeter a sua voz à prova em “Operação Triunfo”. Embora cante a solo, já teve 15 bandas e procura n’A Voz de Portugal não só uma segunda oportunidade para entrar no mundo da música e trabalhar com músicos.

Pela equipa da Mia Rose:

Ana Carolina Veiga vs. Emídio Santos com “Somebody Told Me” dos The Strokes
A Ana começou a gravar com o seu primo, o rapper Miller Gama e o feedback foi positivo. Há 4 anos que compõe temas de Hip-Hop, R&B e Pop, géneros com que se identifica.
O Emídio teve várias bandas, mas há cerca de um ano atrás que integrou a que tem atualmente – The Vertical Transmission –  onde é o vocalista e guitarrista.

Daniel Moreira vs. Inês Martins com “The Man Who Can’t Be Moved” dos The Script
No 9º ano um professor deu umas “dicas” de música a Daniel e o pai ofereceu-lhe uma guitarra. Hoje tem um projeto – Fragmentos – com 10 originais.
Com 5 anos Inês decidiu ir para cima de um palco sem ninguém saber e cantou pela primeira vez ao vivo. Hoje costuma cantar nas festas do concelho e talent shows da escola. Nunca tinha feito outro casting antes.

Pela equipa dos Anjos:

Sara Henriques vs. Rita Nascimento com “California King Bed” com Rihanna 
A Sara cresceu numa família de fadistas e, naturalmente, começou a cantar aos 5 anos. Entretanto integrou várias bandas de baile como vocalista, atuou em vários programas de televisão e tentou alcançar este sonho noutros programas de talento.
Para a Rita os palcos também já não são uma novidade… atuou no Coliseu dos Recreios, no Tivoli e no Casino da Figueira da Foz. Participou, também, em inúmeros concursos de televisão.

Sara Ribeiro vs. Bruno Francisco com “Train” dos Drops of Jupiter
Em 2008 Sara fundou os Glow, uma banda de covers. Ainda hoje esta designer de interiores atua, em bares, ao fim de semana.
Influenciado por bandas como Dave Mathews Band, Radiohead, Sting ou Bon Jovi, o Bruno começou a escrever originais há dois anos. Espera, aliás, lançar o seu primeiro álbum nos próximos 3 anos.

Pela equipa do Rui Reininho:

Sara Paço vs. João Castro com “Here comes the sun” dos The Beatles
A Sara começou a compor e já tem 80 originais. Hoje, faz parte da tuna. A música é a sua alma, a sua essência, e se há um dia que não toca é porque não está feliz.
O João canta com um amigo em bares e tem uma banda, da qual é vocalista e autor, os One Big Mob. Já atuaram na Lituânia através de um contacto online.

João Pedro Rosas vs. Ricardo Martins com “Foram Cardos, Foram Prosas” dos Ritual Tejo
O João é vocalista e pianista da banda Skeezos, que já tem cerca de 7 anos. Tocam originais e covers, dão concertos em bares e festas académicas, tendo já aberto concertos de bandas conhecidas como Blind Zero, David Fonseca e Mesa.
O Ricardo tem uma banda de originais, os Kokins, onde é baixista e já tocaram em vários concursos, bares e palcos. Participou também na “Família Super Star”.


Categorias
Televisão

Se o Jornalismo não se pode considerar uma ciência temos certamente de olhá-lo como uma arte. A arte de saber contar estórias e marcar a história. Estudante de Jornalismo (ESCS-IPL)

Comentários