Palcos & Letras

Diogo Infante estreia “Preocupo-me, logo existo!”

Dez anos depois da digressão de “Sexo, Drogas e Rock&Roll” ter terminado, Diogo Infante apresenta-se em palco com uma nova peça, “Preocupo-me, logo existo!”.

Se há uma década, Macau foi o fim de uma etapa, agora é o início de outra. A peça que estreou na segunda-feira no Centro Cultural de Macau, mostra o ator num registo mais divertido.

Em Lisboa, a estreia acontece a 13 de julho, no cinema de São Jorge, e reflecte as ansiedades e angústias da sociedade de forma humorística. Eric Bogosian, o autor na peça, pretende fazer um retrato de um conjunto de pessoa com inquietações comuns.

«A preocupação é uma medida da nossa existência e a grande questão é quanto é que nos preocupamos, quanto é que estamos realmente preocupados?»

Diogo Infante

Para o ator, esta representação  enquadra-se na fase de “transição” que Portugal atravessa. O objetivo é levar as pessoas a reflictirem sobre o assunto. Em “Preocupo-me, logo existo!” as personagens simbolizam os pensamentos e a intervenção social de uma sociedade instável, com as quais o público facilmente se pode identificar.

Dirigida por Natália Luiza, esta peça de teatro vai estar nos palcos de quarta-feira a sábado, às 22 horas, e no domingo às 17 horas. O preço do bilhete é 12,50 €.

O Propagandista mostra-lhe algumas fotografia dos ensaios.

 

 

 

Categorias
Palcos & Letras

Comentários