Cinema

«O Cavaleiro das Trevas Renasce» – A análise do último filme da trilogia Batman

Dark Knight RisesChegou aos cinemas no último dia 2 de Agosto o derradeiro final da trilogia Batman de Christopher Nolan. O Propagandista Social traz-lhe a análise do filme que promete fechar com chave de ouro a história do vingador de Gotham.

As expectativas após o segundo filme da trilogia, «O Cavaleiro das Trevas», não poderiam ser mais altas. O último filme de Batman, que valeu a Heath Ledger o Óscar póstumo pelo seu vilão, foi um sucesso de bilheteira e aclamado pela crítica de cinema. Quando as expectativas e a fasquia fica tão alta para um filme, o risco de não corresponder ao esperado torna-se bastante alto.

PHOTOGRAPHS TO BE USED SOLELY FOR ADVERTISING, PROMOTION, PUBLICITY OR REVIEWS OF THIS SPECIFIC MOTION PICTURE AND TO REMAIN THE PROPERTY OF THE STUDIO. NOT FOR SALE OR REDISTRIBUTION.A trama de «O Cavaleiros das Trevas Ranasce» remete-nos novamente à cidade de Gotham após a derrota do grande vilão Joker. Batman aceita assumir as culpas pela morte de vários civis e policias em prol da imagem de herói de Harvey Dent. O homem morcego torna-se oficialmente um fora-da-lei e a imagem junto dos cidadãos de Gotham é de um criminoso foragido. O homem por trás de Batman, Bruce Wayne, encontra-se isolado em casa e longe do protagonismo social que outrora cultivara.

A cidade de Gotham enfrenta uma nova ameaça de proporções épicas. Um homem sinistro que enverga uma máscara que lhe cobre a zona da boca ameaça fazer explodir em parte incerta um engenho nuclear que dará fim a toda a cidade. Além disso o novo vilão Bane afirma que um cidadão aleatório possui o detonador da bomba e que pode ser qualquer pessoa. A ameaça desta vez toma uma dimensão bem maior, e toda a cidade envolve-se numa espécie de anarquia social que obriga o Cavaleiro das Trevas a regressar do seu exílio forçado.

Dark Knight RisesÉ impossível não destacar o elenco que se apresenta neste último filme da trilogia Batman de Christopher Nolan. A protagonizar temos mais uma vez Christian Bale. O ator já deu provas do seu desempenho enquanto este super-herói e a verdade é que basta vestir o fato de Batman e colocar a voz para percebermos que este personagem é feito à sua medida. Michael Cane volta a viver o mordomo Alfred Pennyworth e desta vez tem um papel especial ao interferir diretamente com o regresso de Batman ao ativo. Mais uma vez brilham no ecrã Garry Oldman, e Morgan Freeman como Comissário Gordon e Fox respectivamente.

Dark Knight RisesDe destacar os novos nomes que fazem parte do elenco de «O Cavaleiro das Trevas Renasce». Anne Hathaway interpreta de forma bastante completa Selina, a misteriosa Catwoman. Joseph Gordon-Levitt será Blake, um jovem polícia de Gotham que entrará no plano para derrotar o vilão Bane. A atriz francesa Marion Cotillard interpreta Miranda e mais uma vez mostra o seu talento na arte de bem representar.

Dark Knight RisesNão poderíamos deixar de abordar o excelente trabalho de Tom Hardy como Bane, o vilão da máscara. As comparações entre Bane e Joker são inevitáveis. Enquanto Joker é um vilão mais psicológico e emocional Bane é um vilão mais físico e mais à altura de Batman. Joker recorria a truques e desviava as atenções de si, no caso de Bane a sua superioridade física relativamente a Batman traz uma nova dinâmica ao filme. De destacar o brilhante trabalho do ator que consegue, só através dos olhos e da voz uma interpretação irrepreensível.

Dark Knight RisesA realização de Nolan é mais uma vez o melhor que já nos habituou. Os planos sinuosos, a excelência da fotografia de cena e a forma como consegue transportar a anarquia social que se instalou em Gotam com a ameaça de Bane para o ecrã é só por si um feito cinematográfico.

De referir ainda a excelência da banda sonora de Hans Zimmer a criar o ambiente certo em simbiose perfeita com o que se passa no grande ecrã. Os momentos de cortar a respiração têm sempre a música perfeita no momento certo.

«O Cavaleiro Das Trevas Renasce» é exatamente aquilo que esperamos dele. Não supera as expectativas mas não está abaixo delas, o que, tendo em conta a fasquia é muito bom.

Fique aqui com o trailer:

Classificação: [xrr rating=4.5/5]

Categorias
CinemaDestaques

Estudante de Farmácia, amante das ciências e das artes. Gosto particular por entretenimento em diversas áreas: televisão, cinema, teatro, música.

Comentários