Palcos & Letras

João Tordo nomeado para prémio literário europeu

O escritor de 37 anos, reconhecido com o prémio José Saramago em 2009, foi seleccionado com a obra “O Bom Inverno”, publicada em 2011, para o Prémio do Livro Europeu, organizado pela associação Esprit d’Europe.

O romance conta a história de um escritor frustrado e hipocondríaco, que viaja até Budapeste para um encontro literário, e está longe de imaginar até onde a literatura o pode levar. Coxo, portador de uma bengala, e planeando uma viagem rápida, acaba por conhecer Vincenzo Gentile, um escritor italiano mais jovem, que o convence a ir numa viagem da Hungria até Itália.

O prémio foi criado em 2007 com o apoio de Jacques Delors e distingue anualmente um ensaio e um romance de autores dos países membros da União Europeia que exprimam uma visão positiva da Europa. Cada um dos vencedores, anunciados a 5 de Dezembro em Bruxelas, recebe dez mil euros.

João Tordo publicou quatro obras para além de “O Bom Inverno”, sendo “Três Vidas” o título que o reconheceu como vencedor do Prémio José Saramago. “O livro dos Homens Sem Luz”, “Hotel Memória” e “Anatomia dos Mártires” são os restantes títulos publicados do autor.

Categorias
Palcos & Letras

Se o Jornalismo não se pode considerar uma ciência temos certamente de olhá-lo como uma arte. A arte de saber contar estórias e marcar a história. Estudante de Jornalismo (ESCS-IPL)

Comentários