Resumos de Novelas

“Destinos Cruzados”: resumo de 29 a 4 de abril

[tabs class=””]

[tab title=”Ep. 79″]Sílvia sai da suite muito nervosa com o que leu na carta do tribunal e Lourenço vê-a, ficando preocupado. Sílvia diz-lhe que marcaram a data do julgamento. Lourenço diz-lhe que todos terão de prestar contas pelo que fizeram no passado, mas que as coisas mudaram muito entre eles e que ele está a torcer por ela. Sílvia fica muito sensibilizada com as palavras do rapaz.

Laura entra no consultório de Gaspar, o oftalmologista e apanha-o aos beijos com a secretária. Laura mostra-se muito satisfeita com o que acabou de ver.

Sílvia vai a casa de Laura e mostra-lhe a carta do tribunal dizendo que precisa de uma prova da ajuda que Laura está a dar à família, caso contrário, sai da mansão e não vai ao tribunal. Laura mostra-lhe uma folha que roubou do consultório e onde escreveu algumas coisas. Laura mente, dizendo que a operação de Inácio está marcada num dos melhores consultórios de Lisboa. Sílvia acalma-se finalmente e prepara-se para ir embora, quando Fernanda surge em casa. Laura fica aflita a tranca-se com Sílvia no quarto. Fernanda continua a chamar pela mãe e Laura responde-lhe que está só a trocar de roupa. Sílvia e Laura entreolham-se nervosas.

Laura consegue convencer Fernanda a ir tomar um banho e Sílvia consegue sair de casa, desviando-se ainda de Sónia que acabou de chegar a casa.

Jaime confronta Beatriz com o seu estado, distraído ultimamente. Aproveitando o momento para iniciar a sua falsa gravidez, Beatriz diz que se tem sentido muito tonta e com dificuldades de concentração. Preocupado com a simulação de uma tontura, Jaime dá-lhe um copo de água com açúcar e Beatriz tranquiliza-o. Jaime sai do gabinete, deixando para trás uma culpada Beatriz.

Lourenço volta a ir atrás de Fernanda que o rejeita novamente. Lourenço fica completamente desolado e chora ao vê-la afastar-se. Fernanda olha para trás e, ao ver Lourenço chorar, não hesita e corre para ele, abraçando-o. Bárbara observa tudo, escondida e fica furiosa com o que vê, descontando em Moisés que a vê e mete conversa com ela. Mais tarde, Bárbara vai ter com Fernanda à oficina e volta a ameaça-la, dizendo que se ela não largar Lourenço, ela mata o bebé dos dois.

Teté tenta ligar incessantemente a Victória que não atende o telemóvel. Victória está em casa e ignora todas as chamadas, incluindo as do seu agente. A modelo destrói fotografias e roupas de Érica, alterada pelo consumo de droga.

Sílvia atrasa-se para o jantar e Lourenço comenta que ela recebeu a carta do tribunal. Isadora começa com os seus comentários habituais, irritando Jaime. Sílvia surge para jantar e Jaime recrimina-a por não ter contado do julgamento a ninguém. No entanto, Sílvia defende-se dizendo que não os queria incomodar com aquelas notícias. Durante o jantar, Sílvia mal toca na comida e acaba por se retirar, nervosa.

Guida começa a perder a paciência com Luana e também Emília concorda que, apesar da menina ter motivos para estar chateada, já está na hora de acalmar. Luana sai da mesa do jantar sem pedir licença e Guida diz que ela não pode continuar com aquela má educação. Moisés tenta acalmar a tia e Tobias vai falar com Luana, que não cede. Para afastar as tristezas, Moisés e Guida brindam e bebem vinho os dois.

Érica vê Rufino de boxers no quarto e vai falar com ele. Rufino aproxima-se dela, deixando-a desconfortável e pede-lhe um beijo de boa noite que a rapariga rejeita. No entanto, depois de sair do quarto, Érica volta a correr e dá um beijo no rosto de Rufino, que fica agradado com o gesto.

Apesar de Bárbara ter visto Fernanda e Lourenço juntos, não viu que, depois de os dois abandonarem a praça, Fernanda se afastou novamente dele. No entanto, Fernanda não consegue afastá-lo do seu pensamento antes de adormecer.

Jaime tenta dar apoio a Sílvia que está de rastos com a notícia do tribunal. Sílvia tenta mostrar- se forte e diz que está preparada para as consequências. Antes de ir dormir, Sílvia olha muito séria para Jaime e diz que tem de lhe contar uma coisa e já não aguenta mais ficar em silêncio. [/tab]

[tab title=”Ep. 80″]Sílvia e Jaime continuam frente a frente. Sílvia está muito emocionada e diz ao marido que independentemente do que possa acontecer em tribunal, ela o ama como nunca amou ninguém. Jaime fica tocado com as palavras da esposa e dá-lhe um beijo, carinhoso. Os dois envolvem-se e fazem amor.

Moisés e Guida bebem para esquecer os problemas que têm. De repente, Guida lembra-se que podem ir partir carne ao talho para libertar as energias negativas. Claramente alcoolizados, tia e sobrinho fazem um pequeno aquecimento e depois Moisés ajuda Guida a acertar na carne. Os dois estão cada vez mais próximos e, quando Guida se magoa num dedo, Moisés apressa-se a levar o dedo da tia à boca para parar o sangue. Sem conseguirem resistir mais um ao outro, Guida e Moisés fazem amor ali mesmo.

No dia seguinte, Moisés e Guida são acordados por Raimundo que bate à porta do talho. Desconcertados, vestem a roupa um do outro sem reparar e saem para a rua. Raimundo e outros clientes que estavam à espera que o talho abrisse olham para eles admirados. Surge Emília que pergunta o que é que se passa ali. Moisés arranja uma desculpa e diz que foi uma aposta que fez com a tia para vestir as suas roupas. Guida e Moisés estão envergonhados com o que se passou na noite anterior e nem conseguem olhar um para o outro. Emília manda-os para casa, mas não fica convencida com aquela versão da história. Assim, Emília vai a casa e confronta Moisés que mente, dizendo que foi só uma bebedeira e nada mais.

Preocupada com a amiga, Teté vai a casa de Victória e obriga-a a acordar. Teté dá um sermão à amiga por a ter deixado preocupada e por estar a destruir-se a si própria. O telemóvel da modelo toca e é Teté quem atende quando vê que a chamada é do agente. Este quer marcar uma reunião com a modelo, há uma marca de cosmética interessada nela. Teté motiva a amiga a arranjar-se e a seguir com a vida para a frente.

Isadora mostra, satisfeita, a Jaime as manchetes nos jornais sobre o julgamento de Sílvia. Jaime pede-lhe que faça os jornais desaparecer antes que a mulher os veja, mas é tarde demais. Sílvia ouve a conversa e fica muito abalada. O marido tenta acalma-la e dar-lhe esperança.

Sílvia decide ligar para a clínica em que Laura lhe disse que Inácio ia ser operado e descobre que não há qualquer operação marcada. Furiosa, Sílvia vai à sua antiga casa confrontar a sósia que fica chocada ao vê-la. Sílvia encosta Laura à parede e ameaça-a sem se deixar enganar pelas promessas da sósia. Sílvia diz a Laura que se ela não cumprir o prometido, então ela não irá a julgamento. Mais tarde, Laura encontra-se com Eduardo que a critica por ter deixado essa ponta solta. Laura afirma que precisa de arranjar o dinheiro para a operação e o genro comenta que ouviu Jaime dizer que iam receber as joias para a coleção nesse dia. Laura fica a matutar num plano e diz-lhe que já sabe como podem deitar a mão a alguns desses diamantes.

Lourenço vê Beatriz a chorar e fica preocupado com a irmã. No entanto, ela desvaloriza e diz que não se passa nada. Lourenço não fica convencido e vai ter com Beatriz à Diamantes. Beatriz mente e diz estar um pouco alterada por causa do julgamento de Sílvia e pede ao irmão que a deixe em paz. Lourenço vai embora e quando chega ao elevador, encontra-se com Fernanda que tinha ido levar um dos carros que já estava arranjado. Sem hesitar, Lourenço arrasta Fernanda para o estúdio onde lhe pede para ela o olhar nos olhos e dizer que não o ama. Mas a rapariga não é capaz. Ao mesmo tempo, Bárbara compra lingerie com Isadora e está intrigada, pois viu Fernanda a subir para os escritórios. Isadora afirma estar muito surpreendida por Lourenço ter ido com ela às compras e Bárbara fica alerta. Isadora conta-lhe que Lourenço estava no escritório da irmã e Bárbara parte à sua procura. Depois de ir a várias salas, Bárbara encontra Lourenço e Fernanda a beijarem-se no estúdio.[/tab]

[tab title=”Ep. 81″]Depois de ver o beijo entre Lourenço e Fernanda, Bárbara sai disparada e só para quando intercetada por Isadora. Bárbara conta-lhe que Fernanda está sempre entre ela e Lourenço e que ela já não sabe o que há-de fazer. Isadora pensa num plano que afaste definitivamente a mecânica do sobrinho.

Por seu lado, Fernanda diz a Lourenço que aquele beijo não a fez sentir nada, deixando-o ainda mais confuso e triste. Fernanda vai embora sem olhar para trás.

Emília e Luciano estão a tentar motivar uma desanimada Érica. A rapariga sente-se ainda incapaz de desfilar com naturalidade e sente-se triste por isso. Emília acaba por contar o escândalo que Victória fez na sociedade e Luciano fica furioso, prometendo falar com a ex-mulher. Victória conversa, ansiosa, com o agente que lhe diz que a marca de cosméticos a quer como a nova cara de um antirrugas. A modelo fica desconcertada com a notícia e expulsa o agente de casa indo diretamente ao armário das bebidas. Luciano entra nesse momento e tira-lhe o copo da mão, sentindo pena dela.

Telmo vai falar com Guida e pede-lhe que façam um teste de paternidade, visto que ela desconfia tanto dele. Guida tem medo que ele tente roubar-lhe Luana, mas Telmo reforça que só quer ser um pai para a menina e não tem qualquer intenção de a roubar à mãe. Guida concorda em fazerem o teste, mas fica apreensiva quanto ao pagamento, pois ela não tem dinheiro e acredita que ele também não deve ter nada. Telmo mente, dizendo que o estado paga essas coisas e ela fica mais descansada. Ao sair de casa de Guida, Telmo entra num carro de luxo com motorista. Mais tarde, Guida dá a notícia a Luana, que fica contente com a decisão da mãe. Assim, as duas fazem as pazes e Guida pede a Luana que nunca abandone.

Beatriz leva Sónia a uma consulta no obstetra e mostra-se muito emocionada ao ver o bebé e ouvir o seu batimento cardíaco. No entanto, Sónia revela-se completamente indiferente a tudo, o que transtorna Beatriz.

Depois de, mais uma vez, Raimundo não ter jantado em casa, Teté decide ir ao bairro buscá-lo. No entanto, Raimundo adormeceu, após uma massagem de Emília. Quando esta se apercebeu que ele caiu no sono, apaga as luzes da padaria e planeia passarem a noite juntos. Teté ouve na sociedade recreativa que Emília foi à padaria e corre para lá com Vavá. Emília já tinha preparado uma mesa romântica para ela e Raimundo jantarem, quando Lucinda lhe liga a contar que Teté está a caminho. Assim, Emília escreve um bilhete como se fosse de Raimundo, dizendo que aquele jantar era uma surpresa para Teté. Vavá e Teté ficam emocionados com o suposto gesto de Raimundo, que entretanto dorme sentado numa cadeira. Emília fica contrariada pelo falhanço do seu plano e vai para casa chateada.

Bárbara pede ajuda ao irmão com o seu plano para acabar com Fernanda. Nessa noite, Ricardo e um amigo vão até à oficina de Fernanda e preparam-se para roubar as coisas valiosas que lá existem. Bárbara fica satisfeita por estar a conseguir o que quer.

Laura e Eduardo colocam o seu plano em prática. Laura veste-se de uma forma semelhante a Sílvia e Eduardo mente a Beatriz dizendo-lhe que tem de sair para substituir um colega que falhou. Eduardo e Laura encontram-se na Diamantes e preparam-se para roubar os diamantes que já deviam ter chegado. No entanto, na mansão, Jaime comenta com Sílvia que tem de ir à empresa, pois precisa de enviar uns documentos ainda nessa noite, para que os diamantes sejam entregues. Assim, Laura e Eduardo procuram os diamantes sem sucesso. Jaime entra na empresa a correr, pois apercebe-se que a luz do seu gabinete está acesa. Ao entrar, depara-se com Laura, sentada descontraidamente na sua cadeira e não há qualquer sinal de desarrumação. Jaime fica surpreendido ao vê-la ali.[/tab]

[tab title=”Ep. 82″]Laura manipula Jaime e diz-lhe que estava preocupada com ele e não queria deixar ir sozinho. Jaime acredita na mulher, embora ache estranho que ela tenha chegado tão rápido. Laura consegue dar a volta a Jaime, que lhe diz que vai só procurar os documentos e vão embora para casa. Enquanto isso, Eduardo está escondido de forma a não ser visto.

Bárbara espera ansiosamente por Ricardo que foi pôr em prática o seu plano de destruir Fernanda. Assim que Ricardo chega, conta-lhe que correu tudo como planeado, deixando a irmã satisfeita.

Laura tenta ligar a Sílvia, que dorme profundamente. À medida que Jaime termina o que tem para fazer na empresa, Laura vai ficando mais nervosa pois teme um encontro com a sósia. Laura envia uma mensagem a Sílvia. Jaime e Laura vão para casa e dirigem-se para o quarto. Jaime agradece de forma sincera a preocupação da esposa com ele e por lhe ter feito aquela surpresa. Ao entrarem no quarto, Laura percebe que este está vazio e fica mais aliviada. Sílvia vai para a biblioteca esconder-se, sem saber bem o que fazer.

Assim que Jaime adormece, Laura vai ao encontro de Sílvia para trocarem de lugar. Mais uma vez, Sílvia mostra-se muito insegura quanto à troca de identidades e Laura tem de reforçar que só fazem aquilo para que a família dela possa estar bem. Sílvia vai para a cama, junto de Jaime e não consegue evitar sentir-se culpada.

Também Humberto dá pela falta da mulher e anda pela casa à procura dela, alertando Fernanda e Inácio. Os três ficam à espera de Laura que, quando chega, mente, dizendo que se sentiu mal e foi às urgências. Humberto desvaloriza, enquanto Fernanda e Inácio ficam preocupados com Laura, que afirma já estar bem e tenta desviar as atenções.

Emília observa Guida e Moisés que continuam muito atrapalhados um com o outro sempre que se encontram em casa. Assim, decide tentar perceber o que se passa ali e convida Luana, Érica e Rufino para irem tomar o pequeno-almoço fora. Sem que ninguém saiba, Emília deixa um gravador na sala para registar tudo o que se disser ali. Guida e Moisés apercebem-se de que vão tomar o pequeno-almoço sozinhos e ficam constrangidos. Enquanto tentam comer, acabam por concordar que aquilo nunca devia ter acontecido e que têm de esquecer. No entanto, está a mostrar-se muito difícil passar por cima do que aconteceu.

Bárbara surpreende Lourenço com o pequeno-almoço na cama. No entanto, quando a reação dele não é a mais simpática, a rapariga diz-lhe que o melhor que ele tem a fazer é ir atrás de Fernanda. Lourenço fica surpreendido com a atitude da ex-namorada não percebendo que ela o está a manipular. Desta forma, Lourenço vai à oficina ter com Fernanda e encontra-a de rastos. Roubaram-na e ela nem tem seguro para poder recuperar a maquinaria e peças importantes. Fernanda não resiste e chora no ombro de Lourenço que a tenta acalmar.

Bárbara e Isadora conversam sobre o seu plano. Isadora afirma que Lourenço nunca mais vai querer olhar para a cara de Fernanda quando perceber que ela está disposta a roubar seja quem for para reerguer o negócio.

Sílvia e Jaime acordam de manhã para receberem uma má notícia. Um grupo de jornalistas está à porta da mansão para fazer perguntas sobre o julgamento de Sílvia. Jaime enfrenta-os, mandando-os a todos embora. Sílvia mostra-se muito frágil e diz que não sabe se vai aguentar toda aquela situação. O marido tenta dar-lhe força e diz que vai correr tudo bem. Também Laura tem medo que Sílvia recue perante a pressão se ela não conseguir a operação para Inácio. Laura sente-se como um animal enjaulado, sem saída. Sónia pede-lhe que a mãe lhe leve uns collants ao quarto, enquanto ela toma banho. Quando entra no quarto da filha, Laura vê o colar que lhe pertencia e fica admirada por vê-lo ali.

Sílvia recebe uma carta que a deixa nervosa e a obriga a sair de casa, apesar dos conselhos de Alzira para ficar em casa.

Jaime recebe uma encomenda que não tem remetente, entregue em mãos. Ao abri-la, Jaime vê as joias que foram roubadas de sua casa.[/tab]

[tab title=”Ep. 83″]Jaime liga imediatamente ao inspetor Machado para que reúnam esforçam para descobrir quem roubou as joias. Jaime conta-lhe que estão lá as joias todas, exceto um colar.

Sílvia regressa a casa desalentada e Alzira fica preocupada com a patroa. Sílvia confessa-lhe que tinha ido à procura de uma pessoa, mas não conseguiu porque acredita que essa pessoa não queira ser encontrada. Sílvia vai para o quarto e relê a carta que recebeu. A carta é de Maria Helena e conta que a mendiga entregou as joias a Jaime de forma anónima.

Laura continua a olhar para o colar intrigada, quando é surpreendida por Humberto. Apressada guarda o colar no bolso, mas é tarde demais. Humberto pergunta o que é que ela estava a esconder e Laura não tem outra solução senão mostrar-lhe o colar e dizer que o encontrou. Humberto fica com o colar e diz que o vai vender. Laura exige metade do dinheiro, mas não confia que o marido lhe dará o dinheiro.

Raimundo convida Teté para almoçar de forma a compensar o desastre do jantar na noite anterior. No entanto, com muito trabalho e algumas complicações na padaria, Raimundo acaba por se esquecer do almoço e levar uma grande descompostura da mulher. Humberto ouve a discussão entre o padeiro e a mulher e propõe-lhe a compra do colar. Raimundo hesita, mas Humberto dá-lhe a volta, dizendo que é a melhor solução para evitar uma discussão com Teté. Raimundo acaba por ceder.

Emília vai a casa à procura do gravador, mas não o encontra em lado nenhum. Tentando ser discreta, pergunta a Moisés e a Érica se viram alguma coisa diferente na sala, mas eles não entendem do que é que Emília está a falar e ela fica sem resposta.

Foi Tobias quem encontrou o gravador e comenta com os colegas de trabalho que lhe perguntam se ele ouviu o que estava gravado. Tobias nega e diz que jamais faria isso a uma família que o ajudou tanto e afirma ainda que o melhor é colocar o gravador no sítio antes que arranje problemas.

Beatriz conversa com Sónia sobre o bebé e pergunta-lhe quando foi a última vez que ela comeu. Sónia mostra-se cansada daquela conversa e desvaloriza todos os cuidados que Beatriz tem em relação à gravidez. Eduardo entra no bar da Diamantes e fica nervoso ao ver a mulher conversar com Sónia.

Sílvia está em casa e Alzira alerta-a para a presença de jornalistas e fotógrafos à porta de casa. Sílvia lamenta-se, dizendo que não sabe se consegue aguentar aquela situação. Nesse momento, surge um fotógrafo dentro de casa que fotografa Sílvia sem parar. Alzira agarra num objeto pesado e manda-o embora. Sílvia fica muito nervosa com a situação e não sabe como reagir.

Jaime reúne-se com a equipa de designers e com Isadora para verem a nova coleção de lingerie. Jaime critica Isadora pela sua atitude autoritária com os subordinados e diz-lhe que precisam de uma equipa para gerir a apresentação de Érica como nova “joia rara”. A conversa entre os dois é interrompida por uma chama de Alzira. Jaime sai apressado da empresa e Isadora decide ir com ele para casa.

Fernanda vai à Diamantes para falar com Jaime, mas ele já tinha saído. Assim, a rapariga decide ir à mansão. Isadora recebe-a, feliz por o seu plano estar a dar certo e manda-a subir. Fernanda vai até à suite, onde encontra Sílvia e Jaime. Sílvia não consegue disfarçar a emoção e alegria ao ver Fernanda. No entanto, não consegue controlar as emoções quando Fernanda fala da mãe e Jaime decide dar-lhe um calmante. Fernanda diz que espera fora do quarto e Isadora prepara-se para colocar o seu plano em marcha, tirando do porta-joias um broche valioso.[/tab]

[/tabs]

Categorias
Resumos de NovelasTelevisão

Estudante de Farmácia, amante das ciências e das artes. Gosto particular por entretenimento em diversas áreas: televisão, cinema, teatro, música.

Comentários