Cinema

Tom Hanks produzirá filme sobre morte de Kennedy

A morte de John Kennedy é um dos assuntos preferidos do cinema americano. Poucos assassinatos chocaram mais os Estados Unidos como este – equivalente à morte do presidente Abraham Lincoln no século anterior (XIX). No início da década de 1990 o filme JFK, de Oliver Stone, abordou o facto. Agora, no início da década de 2010, Tom Hanks produzirá mais uma película acerca do assunto.

Com direção e roteiro do jornalista Peter Landesman, o filme Parkland contará com nomes como Zac Efron (famoso pelo musical teen High School Musical) e nomes mais veteranos, como Billy Bob Thornton. A ideia do filme é semelhante a Bobby, filme produzido por Emilio Estevez (irmão de Charlie Sheen e filho de Martin Sheen) acerca da morte de outro Kennedy, Bobby, que concorria nas eleições primárias à Presidência dos Estados Unidos no final da década de 1960, quando foi, também, assassinado.

Desta vez, a longa contará antecedentes do presidente de fama boémia, que sorria em público e tinha reputação de bom amante e jogador de poker na modalidade texas holdem. O título do filme faz referência ao hospital para qual John Kennedy foi levado após ser alvejado por tiros de rifle no dia 22 de novembro de 1963 – e onde sua morte foi oficializada. Coincidência ou não, o assassino de Kennedy, Lee Harvey Oswald, foi morto dois dias depois e também teve sua morte declarada no mesmo Hospital. Mais coincidência ainda, quatro anos depois o assassino de Oswald também morreu em Parkland.

De toda forma, o filme não se focará no hospital de Dallas. Como em Bobby, o longa desenrolar-se-á contando várias histórias, de modo semelhante a um mosaico com personagens afetados pelo crime destacando-se um médico, um repórter, o irmão mais velho do assassino e um agente do FBI. A previsão de lançamento é novembro deste ano, efeméride de 50 anos da morte de Kennedy.

Categorias
Cinema

Estudante de Farmácia, amante das ciências e das artes. Gosto particular por entretenimento em diversas áreas: televisão, cinema, teatro, música.