Resumos de Novelas

“Os Nossos Dias”: resumo de 14 a 18 de Outubro

[tabs class=””]

[tab title=”Ep. 21″]

Rodrigo conta a Gonçalo que Marta confirmou que Beatriz é sua filha mas que recusou qualquer ajuda da sua parte. Gonçalo diz que é irónico ter andado tantos anos a tentar ter filhos com Luísa e agora, do nada, saber que é pai de uma menina. O amigo aconselha Rodrigo a fazer um teste de paternidade e a contar tudo a Luísa, antes que ela saiba de tudo por terceiros, ou que Marta, no desespero, lhe mova um processo.

Apesar do aviso de Elvira para que tenha juízo, Tatiana vai servir Nuno e começa a provocá-lo. Ele fala baixo para que ninguém ouça e reafirma que têm de deixar de se encontrar. Patrícia entra no café e repara que existe um clima de tensão entre eles. Elvira ralha com a filha pela intimidade que ela demonstra com o pianista, mas Tatiana responde que é tudo da sua cabeça. Certo é que Patrícia, embora não diga nada também está desconfiada. Nesse instante, Elvira recebe mais uma rosa e um envelope, estranhando por continuar sem saber quem é o seu admirador secreto. Ricardo arrisca que se trata de Teodoro mas ela não acredita. A abrir o subscrito repara que traz dinheiro. O suficiente para pagar a segurança social. Na mensagem, o cavalheiro incógnito escreve que não quer que ela passe dificuldades. Ricardo e Tatiana insistem que ela tem de usar o dinheiro, embora não saiba de onde veio.

Valdemar bate com o táxi num marco do correio e regressa envergonhado à central. Paulo goza com o colega e Carla lembra que se tivesse ido fazer um exame aos olhos tinha evitado o acidente. Lurdes obriga-o a ir ao oftalmologista, avisando que tem médico dali por meia hora. Valdemar resmunga, mas acaba por acatar a ordem.

Bela prepara-se para ir embora e mostra-se ansiosa para chegar a casa e falar com Filipe, já que ele lhe disse que a reunião com o patrão não correu bem. Marta recebe um telefonema e a sua expressão endurece. Quando desliga conta a Bela que o crédito por telefone que pediu foi recusado, ficando desesperada sem saber o que fazer.

Rodrigo volta ao supermercado e exige a Marta fazer o teste de paternidade para comprovar que é de facto o pai de Beatriz. Rodrigo deixa claro que gostaria de fazer o teste sem ter de recorrer aos tribunais e ajudar a menina caso se prove que é o pai. Nesse instante Bia chega da escola e abraça a mãe. Ao ver o desconhecido cumprimenta-o. Rodrigo devolve o cumprimento mas apressa-se a ir embora, pedindo a Marta que pense no que ele lhe disse. Marta, por sua vez, tem de mentir à filha dizendo que o homem que ela viu é um cliente conhecido.

Luísa encontra-se com Gonçalo para que ele a ajude a resolver um problema jurídico do museu. O amigo aproveita para sondar o seu estado de espírito quanto ao casamento com Rodrigo e verifica que ela está completamente iludida, pensando que agora está tudo bem entre si e o marido. Luísa agradece a Gonçalo por ter apoiado Rodrigo quando ela esteve no hospital e Gonçalo aproveita para dizer que ficou muito preocupado, oferecendo a sua ajuda se ela voltar a precisar.

Manel tem um ataque de ciúmes quando Laura conversa através do Facebook com um amigo da juventude e vai enfiar-se no quarto sem comer o queijinho no final da refeição. A mulher percebe e vai meter-se com ele. No fim diz que ele é rezingão mas gosta que o marido ainda sinta ciúmes dela. Manel pergunta se já teve novidades da entrevista de trabalho de Patrícia mas Laura não resiste a dizer mal da futura nora. Manel volta a resmungar e ela com ele. No entanto, Laura não deixa o quarto sem lhe dar um beijo na testa, a que ele corresponde com um sorriso discreto.

[/tab]

[tab title=”Ep. 22″]

Marta está a preparar Beatriz para a escola com a ajuda de Susana. Mãe e filhas conversam em clima de boa disposição. Marta recebe uma mensagem no telemóvel e conta a Susana que Rodrigo quer encontrar-se consigo. Susana incentiva a mãe, convencida de que tudo correrá bem.

Valdemar fica agastado porque Lurdes o proíbe de trabalhar, enquanto o oftalmologista que consultou não disser que ele pode voltar a guiar. Paulo troça da situação e sugere-lhe que façam agora uma partida de dardos. Carla distrai-se e começa a diagnosticar a doença do colega no manual para cães. Paulo aconselha ao colega que experimente as medicinas alternativas e recomenda-lhe um especialista chinês que em tempos o tratou. Valdemar fica esperançado em curar a vista e Carla apoia a ideia.

Tatiana conta a Elvira que já pagou a segurança social e incita a mãe a pagar a renda de casa com o dinheiro que o admirador secreto lhe enviou. A mãe reconhece que não se sente confortável com isso e não acredita que seja Teodoro o seu pretendente oculto. Tal como demora a convencer-se que Tatiana se tenha desinteressado de Nuno, mas a filha garante não estar interessada num homem casado. Elvira lamenta que ela não tenha arranjado namorado depois de Ricardo. Tatiana diz que desse quer é distância e Elvira ameaça despedi-lo, pois está outra vez atrasado. A filha compara-a aos senhorios, dando razão a Ricardo quando diz que qualquer dia ainda a ouve a chamar padrasto a Teodoro. Elvira nem quer pensar em tal coisa.

Ana serve bolo a Ricardo ao pequeno-almoço e insiste em arrumar a casa antes de ir trabalhar. Fica atrapalhada quando ele lhe faz uma festa em sinal de gratidão, bem como quando Daniela dispara que ela e o primo fariam um casal bem curioso. Ana disfarça o embaraço, afirmando que essa ideia é absurda.

[/tab]

[tab title=”Ep. 23″]

Marta conversa em grande tensão com Rodrigo e chega mesmo a acusá-lo de falta de carácter, aludindo ao facto de a ter enganado no passado. No entanto fica de boca aberta quando o ex-namorado lhe diz que está disposto a pagar a operação de Bia, quer ela seja ou não sua filha.

De regresso ao supermercado, Marta conta a Bela que a sua conversa com Rodrigo não podia ter corrido melhor, uma vez que ele se disponibilizou a pagar a operação de Bia, mesmo que o teste de paternidade revele que ela não é sua filha. Marta acaba por reconhecer que Susana tinha razão ao insistir que ela devia ir falar com o pai da irmã, mas afirma que não sentiu nada de especial ao reencontrar o homem que mais amou na vida.
Elvira paga a renda aos senhorios com o dinheiro que o admirador secreto lhe enviou. Júlio resmunga e duvida que ela não tivesse o dinheiro e começa a contá-lo à frente de toda a gente. Elvira chama-lhe mal-educado e volta para o balcão. Teodoro ache tudo muito estranho e desconfia que tenha sido o admirador mistério a dar o dinheiro a Elvira. Júlio acusa o irmão de se preocupar mais com ela do que com os negócios e avança para depositar o dinheiro.

Valdemar toma a custo as ervas medicinais chinesas para curar o seu problema de visão. Afirma que o remédio é intragável e Lurdes acrescenta que o cheiro é nauseabundo. Carla defende as propriedades da medicina alternativa enquanto Paulo faz com que Valdemar atire um dardo ao alvo para ver se já melhorou. O dardo sai muito ao lado, provocando o desalento do taxista. Nisto, Lurdes chama-o para ir ao telefone e Valdemar vem radiante, pois o oftalmologista acaba de lhe ligar para dizer que o seu problema de visão não é grave e que se resolve com umas simples gotas. Lurdes manda-o de volta ao trabalho mas ele pede para gozar folga o resto do dia. Paulo que ouviu dizer que as ervas que ele usou aumentam a libido, engole o resto da poção de um trago.

João faz uma rápida visita a Nuno e mente ao amigo, dizendo que já falou com o senhorio na tentativa de este lhe dar mais algum tempo para pagar a renda. João conta que o homem se manteve intransigente e confessa que está a começar a ficar preocupado por não ter ainda conseguido emprego. Nuno também lamenta nunca mais ter sido chamado para tocar, igualmente apreensivo por não estar a trabalhar. Apesar da frustração, conta que vai ter um jantar de aniversário de namoro com Bárbara mas confessa que se não fosse a dica que ela lhe deu ao telefone, não se teria lembrado da data. João recebe uma mensagem no telemóvel e diz que vai ter com Patrícia.

Rodrigo conta a Gonçalo que decidiu ajudar a menina, pagando a cirurgia na Suíça e nega que tenha sentido algo por se ter reencontrado com Marta. Gonçalo não acredita muito nisso mas adverte o amigo de que terá de contar a Luísa e aos pais o que está a fazer e, sobretudo, que tem uma filha. Rodrigo afirma que pensará nisso mais tarde.

Luísa tenta esquivar-se a jantar em casa dos sogros mas Rodrigo consegue convencê-la, argumentando que esta é uma ótima oportunidade de lhes mostrar que está outra pessoa.
Nuno acaba por se esquecer de comprar uma prenda a Bárbara e fica embaraçado quando ela lhe oferece a sua. No entanto é salvo, porque a namorada pensa que ele decidiu tocar nessa noite a primeira música que ouviram quando se conheceram

[/tab]

[tab title=”Ep. 24″]

Luísa e Rodrigo jantam em casa dos pais dele, num ambiente tenso, muito por culpa de Otília que persiste em lançar farpas à nora, pelo facto de ela se ter reconciliado com o filho e de ter mantido a sua decisão de não engravidar. Otília acusa Luísa de fazer chantagem emocional mas ela recusa aceitar tal crítica, afirmando que o médico lhe diagnosticou uma depressão. Rodrigo esforça-se por evitar mais uma discussão à mesa, conseguindo que Luísa não responda à letra aos sogros.

João exalta-se com Laura ao jantar porque ela insiste em pressionar Patrícia para que esta aceite a sua ajuda na preparação do casamento. Manel chama à atenção do filho, considerando que ele está a desrespeitar a mãe e provoca uma discussão violenta com o filho, acusando-o de não saber fazer nada na vida e de mentir quando diz que está para ser promovido. João responde ao pai, afirmando que ele não é um exemplo que deva ser seguido, acusando-o de nunca ter tido tempo para partilhar com a mãe a sua educação. João fica agastado com a troca de palavras com os pais e opta por se ir embora com a noiva. Laura critica o marido por ter estragado o jantar, acusando-o de ser sempre demasiado duro com o filho.

Luísa e Rodrigo regressam a casa e ela critica-o por não a apoiar no confronto com Otília. Ele responde à mulher que não é um boneco para ser disputado por ela e pela mãe, dizendo que está farto da guerra permanente em que andam envolvidas.

Paulo chega à central de táxis furioso porque transportou uma artista presunçosa que recusou pagar-lhe a corrida, acusando-o de ter feito um desvio para lhe levar mais dinheiro. Lurdes confronta -o porque não se apercebeu que a cliente deixou o telemóvel no carro. Paulo, Valdemar, Carla e Lurdes ficam de boca aberta quando, para descobrirem a quem pertence o aparelho, encontram fotografias da cantora em figuras menos próprias.

Susana e Daniela estão a começar a estudar para os exames quando se assustam com o grito que Ricardo dá. O rapaz aparece todo encharcado e conta que acabou de rebentar um cano da casa de banho. Perante a sua incompetência para solucionar o problema, Ana agarra numa chave e vai concertar o cano. Susana e Daniela troçam de Ricardo e este afirma que assim que vir os senhorios vai protestar com eles pelo estado em que têm as casas que alugam. Assim que chega ao café, Ricardo pede desculpa a Elvira pelo atraso e sem se deter avança para Teodoro e Júlio, afirmando que os canos da casa estão podres. Os senhorios ficam indignados e avançam para a casa, dizendo que ninguém lhes passa a perna. Ricardo fica em pânico, receando que eles descubram que ele alugou um quarto a Ana. Elvira fica desesperada porque o empregado lhe pede mais uma hora para resolver o seu problema doméstico. Quando a campainha da porta toca, Daniela vai abrir e fica estarrecida ao dar de caras com Júlio e

Teodoro que ali estão para ver o cano que rebentou. Os senhorios também ficam atónitos quando se deparam com Ana, que lhes aparece encharcada a dizer que já concertou o cano. Júlio e Teodoro ficam desconfiados de que a rapariga está ali a morar e ela fica sem conseguir justificar a sua presença. Ricardo inventa que ela é sua namorada e até pede aos senhorios que não contem nada a Sandra, a sua namorada oficial.

Patrícia fica estarrecida ao receber uma ordem de despejo e pede explicações a João. Ele confessa que deixou de pagar a renda de casa por não receber salário, vai para três meses. Patrícia sente-se enganada mas o noivo justifica que não contou nada por amá-la e não querer causar-lhe preocupações. Patrícia mostra-se muito magoada e diz que precisa de tempo para refletir sobre tudo o que lhes está a acontecer.

[/tab]

[tab title=”Ep. 25″]

Valdemar continua a tentar Paulo para que aceite vender as fotos que descobriram no telemóvel da cantora. Carla apela aos bons princípios de Paulo, reforçando que a atitude certa é devolver o telefone a Esmeraldinha, sem violar a sua privacidade. Apesar de Valdemar já ter colocado as fotografias em leilão para várias publicações, Paulo assegura que ainda não tomou uma decisão. Esmeraldinha dá uma entrevista na rádio e pede desculpas ao motorista de táxi a quem não pagou a corrida, explicando que estava desorientada pelo internamento de urgência da mãe. Paulo ouve e desiste de vender as fotos. Valdemar fica frustrado por perder um bom dinheiro.

Nuno e Tatiana começam a despir-se mas tentam resistir ao desejo que os invade. Acabam por ser interrompidos por João que aparece de surpresa, dizendo que precisa de falar com o amigo. Tatiana escapa-se com o pretexto de que tem de ir trabalhar. João fica desconfiado com a presença de Tatiana, mas ultrapassa a sua surpresa confessando a Nuno que está numa grande aflição.

João desabafa com Nuno e reconhece que errou ao não ter contado que estava em risco de perder a casa por não pagar a renda. Nuno dispõe-se a ajudar no que puder, mas critica João por lhe ter escondido a verdade. João ganha coragem e pede finalmente a ajuda dos pais para pagar as rendas que tem em atraso, contando que ao invés de conseguir uma produção, ficou sem emprego porque o patrão fugiu. Manuel não contém a fúria e desfia um role de insultos contra o filho, que ouve tudo em silêncio, perante a aflição de Laura.

Rodrigo conta a Gonçalo que o jantar em casa dos pais correu mal e que Luísa esteve à beira de se pegar com eles outra vez. O amigo aconselha-o a considerar por um ponto final num casamento sem amor e a seguir o seu coração se concluir que ainda ama Marta.

Elvira recebe mais uma caixa de bombons com um bilhete de amor e Tatiana insiste que a mãe deve tentar descobrir quem é o seu amor secreto.

[/tab]

[/tabs]

Categorias
Resumos de Novelas

Comentários