Resumos de Novelas

“O Beijo do Escorpião”: resumo de 23 a 28 de Junho

[tps_title]Ep. 107[/tps_title]

Fernando tenta desculpar-se perante o filho que, acusadoramente, lhe diz que não podia ter feito o que fez à mãe. Fernando apenas quer garantir que o filho não conta nada a Rita, mas André não lhe dá essas certezas.

António manda chamar Duarte para tentar perceber o que levou o rapaz a ajudar Carlota em segredo. Duarte explica-lhe que não está arrependido de nada do que fez e conta-lhe pormenorizadamente tudo o que se passou. Sublinha, ainda, que não pretende pedir desculpa de nada. António fica impressionado com a maturidade de Duarte.

Como Fernando parece não obter o que queria, acusa André de andar a assediar a tia. O filho fica chocado com tal acusação mas Fernando diz-lhe que foram palavras de Alice. Quando Fernando se vai embora, André tem uma nova crise de ansiedade.

Em casa de Tina, Ricardo é recebido por todos os Castelo como um membro da família. Depois de tomar banho no quarto de Tina, ela espera por ele, insinuando-se e beijando-o. Ricardo não consegue resistir e acabam por envolver-se.

Ao saber pelo irmão que Ricardo ficou sem nada por ter enfrentado a família, Marta fica pesarosa e com a consciência pesada por se ter afastado dele. Manuel faz-lhe ver que foi a decisão mais sensata numa altura como esta.

Alexandra está em negação total. Não consegue admitir que errou como mãe e atira todas as culpas do que aconteceu para cima de Carlota, que acusa ser irresponsável e galdéria.

Paulo chega a casa já tarde, cansado com o trabalho que tem agora como piloto de voos comerciais. Teresa tenta motivar o irmão e acaba por lhe contar que já escreveu a carta a Nelson, contando toda a verdade.

Duarte vai ao quarto do irmão pedir o carregador do telemóvel emprestado. Dá de caras com um André completamente desvairado, a fazer uma mochila de roupa e a dizer que vai sair de casa. Pedindo ao irmão para olhar pela mãe, abraça Duarte e vai-se embora desaustinado.

Depois de fazerem amor, Tina abraça-se a Ricardo, ainda deitados na cama. A ex-concorrente d¿A Colmeia pergunta-lhe o que conta fazer agora que ficou sem nada. Ricardo, contrariamente ao que ela esperava, diz-lhe que pensa continuar a sua vida por sua conta e risco.

À hora do jantar, Alexandra aproveita para se vitimizar e humilhar a filha. Carlota não aguenta e vai-se embora mesmo sem começar a refeição. António perde a paciência com a sua mulher, dá um murro na mesa e discute com Alexandra.

Rita e Alice chegam a casa. Mentindo, Fernando diz que a conversa com André correu bem e que o rapaz não voltará, certamente, a assediar Alice. Duarte aparece e diz que André saiu de casa e, olhando para o pai e para Alice, pergunta o que é que fizeram ao irmão. Rita está desolada.

Levando Duarte para o escritório, Fernando tenta perceber se o filho mais novo sabe o verdadeiro motivo da saída de casa de André. Duarte, porém, não sabe de nada e diz ao pai que, dado o estado do irmão, só pode ter sido algo muito grave, relacionado com Alice. Fernando está cheio de remorsos.

O desespero instalado em casa de Rita sabe a vitória para Alice. Todos saem à procura de André e a rapariga fica em casa, sozinha.

Enquanto deambula pela rua, André vai desnorteado e com os pensamentos longe. Percebe que há dois rapazes com mau aspeto a segui-lo e tenta por tudo ter ajuda de algum condutor que vai a passar. Não conseguindo fazer parar nenhum carro, o rapaz mete-se literalmente à frente de um, fazendo gerar uma travagem muito brusca. Por pouco não é atropelado pelo táxi que, travando conseguiu evitar o pior. Vendo que o veículo está livre, André pede ao taxista que o leve rapidamente para longe dali, livrando-se dos mafiosos.

Já é de manhã quando Rita, Alexandra, Duarte e Fernando chegam a casa. Não conseguiram encontrar André e Rita está completamente desolada. Não quer viver tudo o que viveu em Lloret novamente e chora compulsivamente. Alice e Fernando trocam um olhar intenso que Alexandra vê e censura…

Depois de Maria arrumar a mesa do pequeno-almoço e de todos saírem de casa, André toca-lhe à campainha e, desesperado, desmaia nos seus braços.

Categorias
Resumos de Novelas

Comentários