Resumos de Novelas

“O Beijo do Escorpião”: resumo de 25 a 30 de Agosto

[tps_title]Ep. 161[/tps_title]

Natália avisa Manuel que o marido é capaz de tudo só para os atingir. Manuel fica com medo do que Romão possa fazer com José, principalmente agora que foi expulso de casa. Natália sente-se culpada por tudo o que lhes está a acontecer mas Manuel acalma-a, dizendo-lhe que podem usar as ameaças de Romão em tribunal para conseguirem a guarda de José.

Romão explica a Alice que foi expulso de casa porque enganou Henrique e não lhe contou que é estéril. Diz-lhe ainda que Natália está grávida de Manuel. Alice fica surpreendida e questiona Romão sobre o que pretende fazer quanto a isso. Romão tem sede de vingança e promete que ninguém da família Albuquerque se vai ficar a rir.

Henrique sente-se sozinho e pede a Madalena que lhe faça companhia, mas ela não esquece todas as agressões que sofreu nas mãos do marido. Madalena recusa-se a fazer-lhe companhia e retira-se, mas não sem antes lhe pedir para não cometer com Natália o mesmo erro que cometeu com Becas. Madalena pega no neto e sai, deixando Henrique terrivelmente só.

No bar da universidade alguns rapazes fazem comentários desagradáveis sobre Duarte e Maria. André ouve e dirige-se a eles para tirar satisfações. A confusão instala-se e André, totalmente enraivecido, atira um copo de bebida em cima de um deles. Duarte e Maria apercebem-se da situação, mas já não conseguem evitar o confronto entre eles. Um dos rapazes agarra André e atira-o para cima das mesas. Duarte e Maria vão em seu socorro tirando-o dali.

Nuno e Vera conversam sobre o filho. Nuno é carinhoso com a mulher e pede-lhe uma segunda oportunidade para salvar o casamento. Nuno beija-a com paixão e Vera, não muito convencida, deixa-se levar.

Duarte, Maria e André chegam finalmente a casa e Afonso percebe imediatamente que André não está bem. O psicólogo quer saber o que aconteceu e pergunta a Maria porque é que André desobedeceu às suas ordens. A rapariga fica atrapalhada sem saber o que dizer.

Vera e Nuno acabaram de fazer amor. Ela levanta-se para ir ver o filho perante o olhar apaixonado do marido. Mas Vera mal consegue disfarçar o mal-estar que sente, fazendo um sorriso forçado.

Maria sente-se constrangida perante as perguntas de Afonso. Ela acaba por contar o que aconteceu no bar e que André provocou a briga de propósito. No quarto, Duarte tenta perceber o que se passa com o irmão. André está cada vez mais alterado e afirma que Afonso está mais interessado em conquistar a mãe do que saber dele. Duarte está perplexo com as atitudes do irmão.

Em casa de Alexandra, Carlota e Frederico estão no quarto aos beijos e ela quer ir mais além. Frederico afasta-a dizendo que a mãe dela pode entrar no quarto a qualquer momento e apanhá-los. Frederico não quer arranjar problemas e pede à namorada para irem com calma.

Afonso vai ao quarto de André e avisa-o que se continuar com aquele comportamento vai ter de o internar. O rapaz fica perplexo e confronta o psicólogo ameaçando-o. Afonso sai e fecha a porta à chave. André fica devastado.

No dia seguinte Romão vai a casa de Henrique para falar sobre o banco. Henrique fica espantado com a presença do genro e deixa claro que ele não é bem-vindo naquela casa. Mas Romão quer saber como fica a situação dele no BBA. Henrique olha-o sério e hesitante enquanto Romão o enfrenta.

Vera ficou a dormir no sofá. Nuno entra na sala muito irritado e pergunta-lhe se esteve com ele por pena. Vera, assustada, afasta-se do marido, mas Nuno agarra-a e insiste em saber o que Vera ainda sente por ele. Vera diz-lhe que foram depressa demais, deixando Nuno de rastos.

No hospital, Rita sente-se cada vez melhor e o médico diz-lhe que os últimos exames estão a mostrar progressos e que terá alta muito em breve. O médico sai do quarto e o polícia que está à porta diz-lhe que alguém a quer visitar. Sem que o polícia tenha tempo para reagir, Alice entra no quarto e abraça-se à irmã dizendo-se feliz pelas melhoras dela. Rita fica sem reação.

Categorias
Resumos de Novelas

Comentários