Televisão

RTP faz compra milionária e rouba «Champions League» à TVI

A RTP ofereceu entre 15 e 18 milhões de euros pela «UEFA Champions League» conseguindo assim que a sua proposta fosse a melhor, revelou o Expresso junto de fontes oficiais.

A TVI que detinha os direitos de transmissão até então, perdeu a corrida para a Estação Pública durante o triénio de 2015-2018. A TVI pagou cerca de 12,5 milhões de euros entre 2012-2015, já para o próximo triénio a estação de Queluz de Baixo propôs 4,3 milhões de euros contra os 5/6 milhões da RTP.

Apesar da decisão ainda não estar formalmente fechada, a TVI já veio dar a sua opinião acusando o Canal Público de distorção do mercado com a sua compra milionária. Em declarações ao Expresso a diretora de Comunicação Institucional da Media Capital, Helena Forjaz afirma que «a TVI ainda não recebeu qualquer comunicação oficial da UEFA, mas os valores propostos pela RTP, a serem verdadeiros, estão 40% acima do que nós oferecemos e do que estaríamos dispostos a oferecer» acrescentando ainda que «a oferta da RTP distorce em absoluto o mercado porque não é rentável para nenhum operador de televisão».

Também José Alberto Carvalho, diretor de Informação da TVI, afirma que «não deixa de ser extraordinário que a RTP não tenha tido qualquer interesse em concorrer à transmissão de um jogo por semana da Primeira Liga nacional – deixando o concurso vazio – e que consiga destruir o mercado com uma oferta desta natureza, 40% acima do praticado».

A SIC não concorreu aos direitos de transmissão da «UEFA Champions League», tal como havia acontecido em 2011.

 

 

Categorias
Televisão

Comentários