Resumos de Novelas

“Jardins Proibidos”: resumo de 8 a 13 de Dezembro

[tps_title]Ep. 71[/tps_title]

Totalmente drogada, Mónica corresponde aos beijos de Tomás, enquanto Alfonso assiste a tudo, chocado. Desorientado e tomado pela raiva, o espanhol sai disparado de casa, deixando Tomás de sorriso vitorioso.

A festa no bar de Carol continua animada e Mariana já não se segura de tão bêbeda. Nesse momento, Leonor entra no bar e dirige-se à filha que, para além de a insultar, ameaça bater-lhe.

Furiosa com a insolência de Mariana, Leonor faz um esforço enorme para se controlar e não lhe dar dois estalos, mas acaba por desabar a chorar, devastada com a crueldade das suas palavras.

Carlos aproxima-se e todos os presentes no bar não conseguem desviar o olhar daquela cena digna de novela. Sem paciência para os dramas de Mariana, Carlos afirma que ele e Leonor a vão levar a casa.

Leonor entra com Mariana totalmente bêbeda em casa e Luís surge na sala, com um aspeto descuidado, quase irreconhecível. Sem que Leonor tenha oportunidade de se justificar, Luís expulsa-a de casa.

Natália termina o seu turno de vigilância à casa do ministro e começa a caminhar pela rua. A agente sente que está a ser seguida e fica atenta.

Em casa de Carol, ela e Rui estão deitados numa cama junto à piscina, rodeados por velas e música ambiente. Em clima de romantismo, Carol e Rui envolvem-se cada vez mais e vão-se libertando das roupas, enquanto se beijam intensamente.

Arrebatados pelo desejo, os jovens fazem amor, completamente apaixonados.

Enquanto continua a andar, Natália leva a mão ao coldre e, repentinamente, vira-se, apontando a arma ao perseguidor. Natália acaba por baixar a arma ao reconhecer a pessoa e os dois continuam a caminhar, lado a lado. Subitamente, Natália é picada no pescoço por uma agulha e desfalece.

Vasco agradece a Lena pela noite fantástica que teve e os dois beijam-se. Marta entra nesse instante e fica em choque. Depois de Vasco sair, Marta repreende a prima por ter dormido com ele e acusa-a de querer roubar tudo o que é de Teresa.

Alfonso recorda a noite anterior e conduz a sua mota a toda a velocidade, cego de raiva.

Desnorteado, acelera cada vez mais e não vê uma carrinha que vem na sua direção, não conseguindo evitar o embate violento que o deixa inanimado.

Mónica acorda sobressaltada a gritar por Alfonso. Vê que tem o pijama vestido e o quarto impecavelmente arrumado, mas não se lembra do que aconteceu.

Carol entra no bar e vai ter com Gonçalo que ficou por ali a dormir. Vitoriosa, ela acorda-o e conta que ganhou a aposta. Gonçalo recusa-se a acreditar, mas Carol vem preparada com provas e mostra-lhe uma selfie de Rui a dormir na sua cama e ainda uma mensagem que comprova o que aconteceu. Irritado, Gonçalo ameaça contar a Rui tudo sobre a aposta.

Vasco entra em casa com ar descuidado, mas feliz. Emília suspeita o que tenha acontecido e ao perceber que o neto se envolveu com Lena, critica-o por só se aproximar de mulheres que apenas querem o seu dinheiro.

Alfonso dá entrada no hospital, inconsciente. Eduardo examina-o e percebe que o estado dele é crítico, encaminhando-o de imediato para o bloco operatório.

Num grande sofrimento, Mónica caminha em direção ao miradouro enquanto recorda tudo o que viveu com Alfonso. Muito chorosa, vai-se aproximando de um local onde estão bombeiros e polícias, incluindo Nuno e Cristina. Empurrada pela curiosidade, Mónica espreita e fica horrorizada com o que vê.

Categorias
Resumos de Novelas

Comentários