Resumos de Novelas

“A Única Mulher”: resumo de 30 de Março a 4 de Abril

[tps_title]Ep. 12[/tps_title]

Desconfiada com a conversa telefónica de Daniela, Mara duvida da existência de Joana. Daniela prepara-se uma vez mais para revelar a verdade, mas Neuza aparece anunciando que a menina foi encontrada pela polícia.

Joana chega à casa de Norberto. O comissário revela que a menina escapou de uma rede de tráfico de crianças e pede a Joana para ir à esquadra identificar as pessoas que a raptaram e Daniela anui a custo, mas apanha um táxi e segue ansiosa para o aeroporto, tentando escapar ao plano traçado por Pilar. Mãe e filha preparam-se para embarcar, mas são avistadas por Arsénio que as leva de volta à casa da família Venâncio.

Entretanto, Luís Miguel está de volta a Luanda, feliz por ter conseguido a tutela de Kandimba.

Mara encontra-se com o namorado e planeiam a viagem a Lisboa. Luís Miguel segue para o aeroporto onde combina encontrar-se com Mara depois de esta se despedir dos pais. Despede-se de Kandimba prometendo que ele irá com ele mas só na próxima viagem, deixando o rapaz inquieto.

Em Lisboa, Luena encontra-se com Artur e mal consegue disfarçar a satisfação quando descobre que Luís Miguel e Mara estão juntos. Artur garante que não deixou de pensar nela, desde que se envolveram em Angola, mas ela rejeita os avanços dele.

Mara está a despedir-se dos pais, quando Daniela anuncia que tem algo para lhe dizer. Ela tem dificuldade em assimilar tudo o que Daniela lhe contou sobre Luís Miguel. Dececionada, decide ficar em Angola e não atende as chamadas constantes do namorado.

No aeroporto, Luís Miguel está nervoso com o atraso de Mara e fica indeciso se embarca ou não. Acaba por não apanhar o voo e segue para a casa dela.

Quando Luis Miguel chega à casa de Mara e confronta Norberto, Daniela apresenta Joana como filha dele. Ele fica aturdido com o que ouve.

Santiago chega a casa e descobre, angustiado, que um incêndio deflagrou no seu quarto. Quando se apercebe que Francisca está no interior, corre em seu auxílio. Encontra-a inanimada e leva-a em braços para fora de casa, enquanto os bombeiros se aproximam do prédio e uma multidão assiste no exterior.

Santiago leva Francisca a casa depois de terem passado pelo hospital. Ele confessa o que sente por ela e acabam por beijar-se.

Jorge fica preocupado por descobrir que Francisca não dormiu em casa. A filha aparece entretanto e conta o sucedido. Os pais querem saber mais sobre o professor de dança. Jorge aparece no Estúdio 7 e confronta o brasileiro. De regresso a casa, volta a proibir a filha de regressar ao estúdio de dança, mas Francisca desafia o pai.

Santiago confessa a Orlando que perdeu no incêndio todas as suas poupanças que ia enviar para o Brasil para comprar uma casa. Luena e Rafaela prometem ajudá-lo.

Diogo paga a Pedro pelo seu silêncio sobre o assédio da filha.

Diogo revela a Sara que Sílvia estava grávida quando aceitou o emprego na joalharia. Esta é despedida e Diogo volta a ameaçá-la para que nada revele sobre o seu papel no assalto à joalharia.

Mitó vai a casa de Concha e, simulando abalo, afirma que Henrique a forçou a assumir a culpa do envolvimento de ambos para não perder o emprego.

Revoltada, Concha garante que o divórcio é definitivo.

Mitó vai-se embora exultante, com uma foto de Henrique que roubou da casa. Quando o encontra, garante-lhe que a esposa já não quer saber dele e prometeu vingança. Para o provar, mostra-lhe a mesma foto com uns corninhos desenhados.

Furioso, Henrique instala-se num hotel.

Mitó vai a casa de Isabel agradecer-lhe a ajuda, mas Isabel começa a desconfiar da inocência da amiga.

Sílvia mente a Pedro, dizendo-lhe que entregou o telemóvel do assaltante à polícia.

Ele diz à esposa que enviou currículos dela para Luanda, mas Sílvia prefere aguardar que ele garanta o emprego na barragem. Pedro desespera por não ter resposta de Luanda.

Sílvia confessa a Mafalda que Diogo orquestrou o assalto, mas a amiga recomenda-a a ficar calada para não perder o emprego. Envenenada por Diogo, Sara despede Sílvia, por esta lhe ter escondido que estava grávida. Diogo ameaça Sílvia novamente, avisando-a a manter o silêncio sobre o assalto. Ela fica arrasada, mas anima-se com os planos de Pedro para irem todos viver para Angola.

Categorias
Resumos de Novelas

Comentários