Resumos Poderosas SIC
Resumos de Novelas

Poderosas: resumo de 8 a 14 de junho

18º Episódio – resumo de 8 de junho

Destaque:

Homero vai novamente a casa de António exigir o pagamento do novo valor da renda de casa e ameaça que vai colocar António e Manuel na rua se não pagarem.

José Maria ameaça que vai contar a Marina que Gonçalo não anda na universidade se este não assumir a culpa pelo sucedido com Adelaide na discoteca.

Dinis expulsa Violeta do seu quarto e obriga-a a devolver-lhe a chave de sua casa.

Miguel assiste ao momento em que Violeta sai de casa de Dinis meio despida e a chorar. Acaba por consolá-la e envolvem-se aos beijos.

No palacete, Inês assiste a um filme. Gonçalo adormeceu ao seu lado e acorda estremunhado. Tenta novamente aproximar-se de Inês mas esta afasta-o e acaba por se ir embora.

Miguel entra em casa e cruza-se com Luísa. Galanteia-a sem sucesso nenhum.

José Maria tenta insistentemente falar com Marina por telefone mas esta não atende.

Pede então a Miguel que o ajude a vigiar Gonçalo porque desconfia que este esteja por detrás do sucedido na discoteca.

Dinis conta a Jacinta sobre a invasão de Violeta e pede-lhe por favor para não dar qualquer tipo de confiança.

Jacinta repara num bilhete escrito por Marina a agradecer a amizade e a dizer-lhe que é hora de enfrentar a realidade.

Marina chega a casa e José Maria implora uma vez mais para que acredite nele. Marina pede-lhe tempo para pôr as ideias em ordem.

Marina desculpa-se aos filhos por ter desaparecido. Ambos querem perceber o que vai acontecer e apoiam a mãe. Marina pede-lhes algum tempo para deixar ir José Maria da sua vida.

Homero aconselha José Maria a ter muito cuidado com o que vai fazer a seguir pois não tem muita margem de manobra.

Valquíria discute com Alfredo novamente por causa das suas ausências. Está preocupada com Rúben José por este poder estar envolvido em jogo e Alfredo apazigua-a. Este recebe uma chamada de Homero e volta a sair, deixando Valquíria ainda mais furiosa. Virgínia observa e garante a si mesma que vai mostrar à irmã quem é o cunhado.

Valquíria queixa-se a Rúben José e acha que o seu casamento com Alfredo vai acabar.

Julião sabe por um cliente que vai abrir uma loja de chineses no bairro. Fica indignado deixando Bruna e David em pânico.

Olga discute com uma cliente sobre a escolha de decoração que fez que não está de acordo com o gosto da mesma.

Violeta e Miguel voltam a envolver-se mas estabelecem o acordo de continuar a lutar por Dinis e por Luísa.

Marina conta a Amélia que está com problemas com José Maria e tem muitas dúvidas de que as coisas voltem a ser iguais. José Maria interrompe-as e Marina pede-lhe que as deixe trabalhar. Este sai contrariado.

Em 2003, Amélia chega a casa carregada de sacos e encontra a vizinha caída no chão. Percebe que não respira. Amélia abre os braços para o céu e sente-se livre.

Rúben vai à quinta pedir satisfações a Alfredo pelas suas ausências. Está preocupado com Valquíria. Alfredo fica fora de si e manda-o embora.

Rúben coloca o capacete e arranca com a mota. Embate numa pedra e cai. É Amélia quem o vai socorrer e Rúben fica novamente embasbacado ao vê-la.

Em casa de Amélia, Rúben faz o curativo e galanteia-a. Convida-a para jantar e esta responde-lhe que tem idade para ser sua mãe.

No clube de ténis, Bruna Filipa fofoca com Virgínia e Valquíria sobre Marina ter dormido em casa de Jacinta e por Violeta ter sido vista a sair de lá quase despida.

Julião desabafa com os clientes sobre a loja de produtos chineses que vai abrir no bairro. Diz a Manuel que os chineses são os responsáveis por António não ter trabalho porque os seus produtos são para usar e deitar fora. Manuel sente-se deprimido com a conversa.

Homero vai novamente a casa de António exigir o pagamento do novo valor da renda de casa e ameaça que vai colocar António e Manuel na rua se não pagarem.

Luísa quer acabar com a vingança assim que Marina se separar de José Maria. Já Amélia quer espezinhá-lo e humilhá-lo. Por sua vez, Jacinta esta expetante com o que irá acontecer.

José Maria entra no quarto de Gonçalo e acusa-o de ter montado a cilada na discoteca. Gonçalo recusa qualquer responsabilidade. José Maria ameaça que vai contar a Marina que Gonçalo não anda na universidade se este não assumir a culpa pelo sucedido com Adelaide na discoteca.

 

19º Episódio – resumo de 9 de junho

Destaque:

Gonçalo conta a Marina diante de todos que foi ele quem convenceu Adelaide a atirar -se a José Maria.

Gonçalo caminha no topo de um prédio e aproxima-se da berma do telhado. Manuel e Dinis vêem-no e ficam em pânico. Gonçalo desequilibra-se e cai mas consegue agarrar-se a uma varanda de ferro.

 

Gonçalo justifica-se, nunca quis mentir à mãe. Na altura em que devia ter entrado na universidade o pai ficou doente e não conseguiu entrar. Depois não teve coragem de contar à mãe. Aceita fazer o que José Maria lhe pede na condição de deixar Luísa de fora.

 

Marina reflete sobre tudo e toma a decisão de cancelar o casamento.

Dinis procura Violeta para ficarem em paz. Explica-lhe que não quis magoá-la e que esta tem de o esquecer e seguir em frente. Violeta promete-lhe que fará tudo para que Dinis a veja como sua amiga.

Gonçalo, transtornado, procura bebidas na cozinha. Sem dignidade, acaba por beber um vinho de temperar bifes.

António conta a Manuel que Homero voltou lá a casa para falar da renda de casa. Manuel pede ao pai para se tranquilizar porque vai procurar uma nova casa para morarem, melhor e mais barata.

Bruna Filipa está numa pilha de nervos com a abertura da loja nova. David pergunta-lhe como será a reação de Julião embora pense que Bruna lhe dará a volta como em tudo. Bruna não tem tanta certeza disso.

Dinis tenta apaziguar Julião. Este está muito alterado com a abertura da nova loja de chineses.

Olga recebe um pedido para fazer a decoração de um grande casamento. Fica muito feliz e começa imediatamente a planear tudo. Inês fica desconfiada.

Gonçalo bebe descontroladamente e anda dum lado para o outro desesperado.

Alfredo surpreende Valquíria com uma caixa de morangos. Esta reage mal mas acaba por adoçar e fazem as pazes. Virgínia observa-os.

Virgínia fica desiludida. Não sabe como ajudar a irmã. Vasculha o casaco de Alfredo à procura de uma prova para mostrar a Valquíria. No telemóvel vê dois SMS suspeitos.

Gonçalo conta a Marina diante de todos que foi ele quem convenceu Adelaide a atirar -se a José Maria. Esta fica lívida. Gonçalo desculpa-se.

Gonçalo sai da sala e Marina abraça José Maria. Não quer acreditar que o próprio filho lhe fez tamanha monstruosidade e pede desculpa a José Maria.

Jacinta promete a Olga que vai ajuda -lá a lançar-se como decoradora.

Bruna Filipa e David tentam contar a Julião sobre a nova loja mas acabam por não ter coragem de o fazer.

Miguel felicita José Maria pela forma como conseguiu safar-se e exige que este lhe pague por ter descoberto que Gonçalo não estuda na universidade.

Cheia de culpa, Luísa pede a Marina que perdoe Gonçalo, tenta proteger o irmão mas Marina mostra se irredutível.

Ruben José surpreende Amélia em sua casa. Este tenta fazê-la sorrir e ela acha-lhe piada.

Amélia beija-o com fervor e envolvem-se.

Luísa vai a casa de Jacinta contar-lhe que José Maria se safou e que Gonçalo assumiu a culpa pelo sucedido com Adelaide. Também suspeita que o irmão descobriu a vingança das três e que o fez para a proteger.

No bairro Cruz das Almas, Gonçalo caminha bêbado pela rua.

José Maria abraça Marina. Esta não reconhece o filho e desculpa-se e agradece por este não a ter abandonado e por estar ao seu lado.

Gonçalo caminha no topo de um prédio e aproxima se da berma do telhado. Manuel e Dinis vêem-no e ficam em pânico. Gonçalo desequilibra-se e cai mas consegue agarrar-se a uma varanda de ferro.

Luísa sai de casa de Jacinta e percebe que o irmão está em perigo.

20º Episódio – resumo de 10 de junho

Destaque:

Dinis consegue apanhar Gonçalo e salva-o de morrer.

Homero aconselha José Maria a ter cuidado porque não acredita que Gonçalo tenha atuado sozinho e que Luísa esteve envolvida de certeza.

Marina planeia castigar Gonçalo e garante que vai tomar medidas drásticas. Luísa fica destruída ao ouvir a mãe.

 

Gonçalo tenta elevar-se mas não consegue e fica cheio de medo. Dinis oferece-se para ajudar e sobe à varanda. Consegue apanhá-lo e tirá-lo de perigo.

Depois de fazerem amor, Amélia mostra se pouco romântica com Ruben José e despacha-o de sua casa.

Em casa de Jacinta, Gonçalo está em choque e todos recuperam do susto. Luísa está de rastos. Prometeu ao pai antes de este morrer que tomaria conta da mãe e de Gonçalo e não se perdoa por ter feito com que as coisas chegassem a este ponto.

Gonçalo mais sóbrio sente-se muito mal. Pede desculpa a Luísa e esta chora abraçada ao irmão. Quando ficam sozinhos, Luísa promete que não vai contar à mãe o sucedido e diz-lhe que não suportaria perdê-lo como perdeu o pai.

Homero aconselha José Maria a ter cuidado porque não acredita que Gonçalo tenha atuado sozinho e que Luísa esteve envolvida de certeza.

Alfredo e Valquíria namoram deixando Virgínia incomodada. Quando fica sozinha esta liga para o número que viu no telemóvel de Alfredo e marca um encontro com a mulher com que Alfredo se encontra.

Em casa de Amélia, Marina desabafa que ficou bem com José Maria. Amélia controla a sua fúria ao ouvi-la.

Luísa agradece a Jacinta e a Dinis por deixaram Gonçalo ficar lá em casa. Jacinta também está angustiada e sente-se culpada.

Luísa agradece a Dinis por ter salvado o irmão e olham-se intensamente. Luísa acaba por refrear-se e sai.

Já na quinta, Luísa espreita Marina e José Maria deitados e revolta-se fechando a porta com pouco cuidado. Marina acorda e levanta-se para falar com Luísa.

Luísa desculpa-se por ter acordado a mãe e Marina quer saber onde está Gonçalo. Luísa tranquiliza-a e conta que este ficou em casa de Jacinta. Assegura que lá, Gonçalo ficará bem.

Luísa passa a noite em branco sem dormir, preocupada com Gonçalo.

Bruna Filipa e David encontram-se com o chinês que vai fazer de conta que é dono da loja. Chegam a acordo e apertam as mãos.

António elogia Manuel. Pode não ter nada mas tem um filho maravilhoso.

No salão de jogos, Julião comenta com Cila que Gonçalo quase caiu dum prédio. Esta sai disparada.

Valquíria comenta com Alfredo que Virgínia saiu cedo de casa e este alegra-se porque está farto que a cunhada implique com ele há 30 anos.

No clube de tênis, Virgínia encontra-se com Arlete e inventa uma promoção para as aulas de ténis. Enquanto conversa tenta saber pormenores sobre esta é convence-a a fazer uma aula gratuita de tênis.

Já acordado, Gonçalo, tenta desculpar-se a Dinis. Cila bate à porta e está preocupada. De seguida aparece Inês, também preocupada. Gonçalo fica enrascado e Dinis, percebendo que Gonçalo namora as duas, salva a situação aconselhando-as a deixar Gonçalo descansar.

Ao pequeno-almoço, Marina planeia castigar Gonçalo e garante que vai tomar medidas drásticas. Luísa fica destruída ao ouvir a mãe.

Na capela, Amélia reflete sobre tudo. Recebe uma mensagem de Luísa a pedir para se encontrarem imediatamente.

Em casa, Jacinta recebe a mesma mensagem. Encontram-se em casa de Amélia e Luísa explica que o irmão quase morreu por causa de uma mentira e comunica que vai sair da vingança porque para ela as coisas foram longe demais.

 

21º Episódio – resumo de 11 de junho

Destaque:

Amélia implora a Luísa para não desistir. Promete-lhe que ajudarão Gonçalo.

Julião organiza uma petição contra a loja chinesa e recolhe assinaturas.

Rúben José procura Amélia na quinta. Esta faz-se de difícil mas acaba por não resistir e deixa-se envolver novamente.

 

Alfredo comenta com Homero que reparou numa série de notícias sobre assaltos. Estranha que este não tenha apresentado queixa.

Marina prepara-se para sair e diz a José Maria que vai ver Gonçalo. Este fica tenso e oferece-se para a acompanhar mas Marina quer falar sozinha com o filho.

Amélia e Jacinta tentam argumentar com Luísa para a dissuadir da sua decisão mas Luísa trata-as de forma intempestiva e sai. A sua decisão está tomada.

Amélia implora a Luísa para não desistir. Promete-lhe que ajudarão Gonçalo. Marina liga a Jacinta para falar com esta sobre Gonçalo.

Bruna Filipa e David já têm a loja pronta a inaugurar quando Julião bate à porta e entra. Estes conseguem esconder-se a tempo e Julião intimida o chinês dizendo-lhe que não vai permitir que os chineses se instalem no bairro. Bruna e David desculpam-se e o chinês finge que não percebe nada acenando a cabeça.

Cila conversa com Ruben José mas este está absorto em pensamentos. Recorda Amélia.

Virgínia é convidada por uma agência de casting para fazer um anúncio a um creme para as mãos. Desiludida, Virgínia aceita na expetativa de que isso abra outras portas.

Julião organiza uma petição contra a loja chinesa e recolhe assinaturas.

António chega com Manuel do hospital e confirma-se um problema no coração. Julião oferece-se para ajudar no que for preciso.

Jacinta pede a Marina para ter paciência com Gonçalo mas esta acha que ele ultrapassou os limites.

Gonçalo conta a Marina que quase caiu do topo de um prédio e diz à mãe que esta sempre o pressionou a ser o melhor e quando não era fazia-o sentir-se uma nódoa. Marina fica escandalizada e Gonçalo recusa-se a voltar para casa.

José Maria tenta que Luísa admita que também teve a ver com a situação na discoteca mas esta recusa qualquer responsabilidade. Este diz-lhe ainda que está disposto a perdoá-la se tiver agido com Gonçalo.

Olga está muito animada com os preparativos do casamento que está a organizar. Inês alegra-se por ver a mãe motivada.

Amélia recorda as palavras da mãe na carta e o seu desejo de vingança fica reforçado.

Prepara um chá e mostra-se simpática com Homero.

Luísa vai visitar Gonçalo e convence-o a ir a um médico no dia seguinte. Este acha que a irmã esta a exagerar mas aceita para a calar.

Dinis cruza-se com Luísa e conversam. Este abraça-a com carinho e Luísa sente-se bem, protegida.

Jacinta observa-os e quando Dinis se afasta, repreende Luísa. Esta defende-se dizendo que agora que já não faz parte da vingança, já não há problema e que pode fazer o que quiser.

Cila pensa em Gonçalo enquanto Rúben José pensa em Amélia. Falam os dois, numa conversa de surdos.

Gonçalo e Inês conversam quando este recebe uma chamada de Cila. Disfarça e põe o telefone no silêncio. Inês promete ajudá-lo.

Rúben José procura Amélia na quinta. Esta faz-se de difícil mas acaba por não resistir e deixa-se envolver novamente. Entregam-se um ao outro.

No palacete de Olga, Gonçalo trata de um canteiro e está entretido e feliz a fazê-lo. Inês olha-o com admiração e fica feliz com a proximidade entre os dois.

Marina cobra a Luísa não lhe ter contado que Gonçalo quase caiu do topo de um prédio. Luísa não dá muita saída à mãe e continua a defender a inocência de Gonçalo.

Miguel decide ficar em casa a fazer companhia a Luísa. Esta fica irritada quando o vê. Miguel pede-lhe para que não o trate mal e beija-a à força. Luísa dá-lhe um enorme estalo e afasta-o.

22º Episódio – resumo de 12 de junho

Destaque:

Amélia chama a atenção de Marina para o fato de as coisas se terem alterado desde que José Maria e a sua família se mudaram lá para casa. José Maria planeia fazer com que Amélia seja despedida.

 

Gonçalo abre uma cerveja e diz a Dinis que não percebe porque Luísa está tão preocupada. Não considera ter um problema com álcool. Luísa olha furiosa para Miguel e diz-lhe para nunca mais se aproximar dela. Depois de estarem juntos, Amélia mostra-se, novamente, pouco romântica com Rúben José e pede-lhe para manterem alguma distância. Valquíria pergunta a Cila por Rúben José. Todos percebem que este anda cheio de segredos e que deve ter uma namorada nova. Virgínia planeia que Alfredo se cruze com Arlete no clube de ténis. Manuel assegura ao pai que nada lhe faltará e que já comprou os medicamentos que este precisa. António fica preocupado com a possibilidade do filho andar a pedir dinheiro emprestado mas Manuel jura-lhe que não pediu dinheiro e oferece-se para lhe preparar o almoço. Inês elogia novamente a mãe pelo empenho demonstrado no novo trabalho de decoradora. Gonçalo recebe Cila que está preocupada consigo. Esta faz com que Gonçalo se sinta vulnerável ao enaltecer a sua sensibilidade. Marina elogia Amélia pelo seu bom trabalho e dedicação e mostra-se triste por tudo o que está a acontecer com a sua família. Amélia chama a atenção de Marina para o fato de as coisas se terem alterado desde que José Maria e a sua família se mudaram lá para casa. Não se quer meter mas aconselha-a a pensar em tudo. José Maria ouve tudo furioso. José Maria planeia fazer com que Amélia seja despedida. Abre uma caixa de joias e tira um par de brincos e guarda-os no bolso. Entra em casa de Amélia e coloca os brincos num aparador. Violeta vê Luísa a chegar a casa de Dinis e telefona a Miguel a alertá-lo. Fica a saber que Gonçalo está a viver em casa de Dinis e Jacinta e sente-se a perder território. Gonçalo diz a Luísa que não precisa de nenhum psiquiatra mas esta arrasta-o para a consulta. Olga mostra orgulhosa a Inês os centros de mesa que fez. Trabalhou a noite toda. Inês mostra-se surpresa e fica feliz por ver a mãe tão dedicada. Olga recebe uma chamada e fica em choque sem conseguir falar. Enquanto dá uma aula de ténis, Rúben José repara em Rafael porque este joga muito bem. Rafael mudou-se há pouco para aquela zona. Rúben desafia-o para um jogo e incentiva-o a continuar. Virgínia, ao ver Alfredo a arranjar a canalização do clube de ténis, fantasia e imagina que este a beija. Acorda dos seus pensamentos e olha para a porta expetante. No salão de jogos, Julião continua a organizar a petição contra a loja de produtos chineses. Sentadas a uma mesa, Olga ainda em choque, conta a Jacinta que o casamento que estava a organizar ficou sem efeito. Desata a chorar e Jacinta consola-a.

Alfredo acaba de arranjar o cano que estava estragado e Virgínia empata-o para que este dê de caras com Arlete mas esta atrasa-se e Alfredo acaba por se ir embora sem que nada aconteça. Amélia e Luísa falam sobre a consulta de Gonçalo. O médico não receitou nenhum remédio porque Gonçalo deu a entender que não é nada de grave. Luísa relembra a autodestruição do pai e tem receio de que Gonçalo acabe da mesma forma. Marina observa os valores do relatório mensal de vendas quando é surpreendida por José Maria. Este mima-a enquanto repara nos valores e alegra-se ao ver os resultados da Chão de Portugal. Saem para dar um passeio na quinta. Marina e José Maria dirigem-se a casa de Amélia para que esta envie um email. Amélia oferece-se para o fazer e estranha o interesse de José Maria em querer ir a sua casa.

Em casa de Amélia, esta redige um email e José Maria avança, de propósito, para a sala onde estão os brincos. Faz notar que os brincos que ali estão são parecidos com os de Marina. Esta apercebe-se de que são realmente os seus brincos e questiona Amélia. Exige-lhe uma explicação.

Categorias
Resumos de NovelasTelevisão

Estudante de Farmácia, amante das ciências e das artes. Gosto particular por entretenimento em diversas áreas: televisão, cinema, teatro, música.

Comentários