Televisão

A Única Mulher: resumo de 21 a 26 de Setembro

Episódio 168

No hospital, o pneumologista informa Norberto e Luena que Júnior tem um dador compatível.

Isabel está magoada com Bino por causa do livro de Isaurinha e Bino sente-se culpado e tenta que Isabel entenda o que ele está a passar com a morte de Patrícia e Isaurinha. Diz que não tinha intenção de magoá-la.

Luena está feliz com as amigas, sobre as novidades de Júnior. Arsénio e Camacho observam. Norberto comenta com Camacho que Rafaela sabe mais do que diz e tem uma maneira de a fazer falar.

Orlando e Ramiro comentam que Júnior já tem dador. Falam sobre Ana Maria e a sua nova vida desde que a mãe foi para Angola.

Ana Maria entra em casa com um cliente e este paga-lhe. Beijam-se e trocam carícias.

Pilar e Concha falam do dador de Júnior e Concha conta o episódio de ter ficado presa no elevador com Henrique.

Yolanda joga golf no campo quando Jorge aparece. Esta conta ¿lhe que Mara e Artur vão casar.

Daniela agradece a oportunidade de António e este pede-lhe informações de Norberto. Daniela apercebe-se que foi por isso que ele a aceitou de volta e diz-lhe não saber de nada sobre Venâncio. Os enfermeiros preparam Júnior para a cirurgia, deixando Luena e Norberto ansiosos. Júnior é encaminhado para o bloco operatório. Luena e as amigas ficam à espera de notícias quando Luís Miguel chega. Norberto não o quer ali e discutem.

Júnior está anestesiado e está tudo pronto para começar quando o enfermeiro entra e o cirurgião pergunta-lhe o que se passa. O pneumologista informa Norberto e Luena que o transplante não pode ser realizado porque não há pulmão. Luena, em choque, grita desorientada. O pneumologista explica que houve um acidente e o pulmão que era destinado a Júnior passou para outro menino.

Luena e Norberto estão desolados, quando a mãe do menino que ficou com o pulmão vem ter com eles. Conta-lhes que o pulmão salvou o filho dela. Luena está muito revoltada mas gradualmente fica sensibilizada com a situação do outro menino. A mulher diz-lhe que o seu filho irá ter um milagre e abraça-a.

Luena explica a Júnior o que aconteceu e este fica triste também.

Mitó fala da sua relação com Henrique a Ana Maria, que a aconselha-a a proteger-se financeiramente.

Bruno pica Clara pelo facto de ser ele agora quem vive naquele casarão. Clara diz-lhe que não vai ser por muito tempo, pois os pais estão cada vez mais próximos.

Jorge arranja-se para sair quando Pilar o provoca dizendo-lhe que Sara vai jantar com António.

Sara quer que António aceite Diogo e que dê o braço para entrar na igreja. Diz-lhe que se ele fizer isso, irá aceitá-lo como pai. António faz um esforço para não falar mal de Diogo e pondera sobre a proposta da filha.

A agente Laura entra no carro e seduz Radu. Camacho encontra-se noutro carro a controlar a situação.

Concha quer falar com Henrique sobre o que se passou no elevador. Diz querer começar tudo de novo com Henrique e ele concorda. Beijam-se e trocam carícias que depressa sobem de intensidade.

Mitó entra na receção vestida com uma gabardine e lingerie por baixo. Começa a ouvir vozes de Henrique e Concha. Aproxima-se da porta e vê os dois em cima da mesa de reuniões beijando-se apaixonadamente. Mitó fica para morrer, fecha a porta e os dois continuam mergulhados em paixão.

Mitó desabafa com Ana Maria sobre o que viu. Está desesperada e Ana Maria aconselha-a a arranjar um bom advogado para conseguir o mais que puder.

Concha e Henrique vestem-se depois de uma sessão de sexo e estão ambos muito entusiasmados. Trocam lembranças dos tempos de namoro e beijam-se apaixonados, até que Concha interrompe perguntando quando é que ele pensa contar a Mitó. Henrique diz-lhe que irá falar com ela, imediatamente.

Episódio 169

Mitó entra em casa completamente fula, Bruno pergunta-lhe se está tudo bem. Mitó vai para o quarto e atira-se para cima da cama a chorar.

Mara dormiu mal, está com um ar cansado, Neuza aconselha-a a parar de trabalhar.

Luís Miguel e Kandimba estão com Pilar, Jorge e Joana a tomar o pequeno-almoço e falam acerca da situação de Júnior. Joana e Kandimba discutem e Luís Miguel pede para falar com Jorge.

Luís Miguel diz ao pai que quer ir visitar Mara quando as bebés nascerem. Jorge promete ajudá-lo naquilo que conseguir. Pilar intromete-se e diz ao filho para se afastar daquela família, Luís Miguel nega.

Mitó parece dormir mas Henrique precisa de ter uma conversa definitiva com ela. Entretanto o telemóvel de Henrique toca, é Jorge. Henrique sai com Mitó a pedir-lhe um beijo que este retribui, mas na testa. Mitó desabafa com Bruno mas este diz-lhe que não a vai ajudar visto já ter problemas que cheguem. Rosalina provoca-a e Mitó a atirar-lhe com uma jarra que por pouco lhe acerta.

Concha e Clara estão entusiasmadas por a vida delas voltar ao que era. Confidencia a Clara que ela e Orlando nunca iriam dar certo. Orlando ouve e fica descontente, começando a arrumar as suas coisas desordenadamente.

Henrique conta a Jorge que Concha vai voltar para casa muito em breve. Jorge felicita-o e pede-lhe que arranje uma carta de chamada para Luís Miguel ir a Angola visitar as filhas quando nascerem.

Na quinta do Douro, António propõe a Sara que ela o ajude nos negócios assim como Diogo, uma vez que ele tem experiência em gestão. Sara, apanhada de surpresa, pensa que esta proposta será para afastá-la de Diogo mas António nega.

Pilar conta a Berta que António propôs a Sara ir trabalhar com ele, fazendo dela a única herdeira. Confidencia que Sara a odeia e que vai aproveitar-se disso para a humilhar. Berta lembra-a que não devia ser tão ambiciosa.

Sara telefona a Diogo e conta-lhe da novidade. Este fica surpreso e cauteloso ao mesmo tempo.

Neuza fica apreensiva por Mara estar a trabalhar tanto em vésperas de ser mãe. Mara sente-se desconfortável e concorda em ir para casa e Neuza insiste em ser ela a conduzir.

Sílvia, Rafaela e Luís Miguel estão a dar apoio a Luena que está completamente de rastos. Falam sobre a gravidez de Mara e fazem ver a Luís Miguel que ele tem de ir reclamar o seu lugar de pai.

Henrique diz a Jorge que está a ser complicado arranjar uma carta de chamada para Luís Miguel. Jorge pede-lhe para insistir visto tratar-se de uma excepção.

Neuza está ao volante a conduzir quando encontra um tronco no meio da estrada, faz uma travagem e caem numa valeta. Mara assusta-se e Neuza sai do carro para ir procurar ajuda na aldeia. Neuza chega perto de uma cubata e pede ajuda para tirar o carro da valeta.

Mara começa com contrações mas não está preocupada porque conhece o processo. Sai do carro e Neuza fica assustada dizendo-lhe para voltar para o carro. Mara diz-lhe que não há tempo porque entrou em trabalho de parto. Os homens que foram ajudar, carregam Mara e seguem todos para a aldeia. Neuza liga para Artur a pedir ajuda mas Artur ouve-a mal e fica aflito.

Norberto está no corredor do hospital quando Jorge vem ao seu encontro para falar com ele. Norberto reage mal ao pedido de Jorge em arranjar uma carta de chamada para Luís Miguel ir visitar Mara. Norberto diz que não o ajuda, e ainda vai fazer de tudo para impedir que isso aconteça. Norberto recebe uma chamada de Artur e fica a saber que Mara entrou em trabalho de parto. Diz-lhe para pedir ajuda ao Guilherme Torres porque ele tem helicópteros.

Jorge conta a Luís Miguel que Mara entrou em trabalho de parto e que Norberto não quer ajudá-lo na sua ida a Angola. Luís Miguel fica furioso e Jorge mostra-se compreensivo ao que Luís Miguel está a sentir naquele momento.

Mara tem uma contração forte. As crianças vão nascer, Neuza está em nervos.

Norberto está impaciente sem conseguir ter notícias de Mara. Jorge e Luís Miguel chegam e o último pede a Norberto para arranjar maneira de ele conseguir ir a Angola. Norberto, firme, diz que não e Jorge lembra-o que tem uma dívida para com ele. Norberto continua sem ceder.

Pilar comenta com Berta que Mara vai ter as crianças na selva. Pilar confidencia a Berta que não quer aqueles netos e afirma que se tiver mais netos serão loirinhos e com olhos azuis. Kandimba e Joana ouvem a conversa e ficam desconcentrados com o que ouviram.

Episódio 170

Mara continua em trabalho de parto e os homens e as mulheres aguardam junto à cubata o nascimento das crianças.

Norberto faz as malas para regressarem a Angola. Fala de Luís Miguel a Arsénio e diz-lhe que no que depender dele, Luís Miguel não volta para a Angola.

Mara está na fase final do trabalho de parto. Os homens e as mulheres que lá se encontram ouvem um grito e ficam em expectativa geral.

Rosarinho acaba de nascer mas está com o cordão umbilical à volta do pescoço. Mara apressa-se em fazer respiração boca a boca e a bebé começa a chorar. Mara respira de alívio e fica com as duas filhas no seu colo. As mulheres recomeçam os cantares enquanto os homens servem-se de bebidas e festejam.

Artur fala com Luís Miguel ao telefone e diz-lhe que não o vai ajudar a conseguir a carta de chamada e ainda o acusa de ter desistido das gémeas. Desliga a chamada porém continua muito preocupado sem saber do paradeiro de Mara.

Norberto diz a Júnior que tem de ir a Luanda mas vai voltar o mais rápido possível. Luena entra e ouve a conversa perguntando-lhe como é capaz de ir para Luanda numa altura em que Júnior continua hospitalizado.

Norberto vai no banco traseiro do carro de Yolanda, que se oferece para a ajudar no que for preciso. Toca o telemóvel de Norberto, é Luís Miguel mas não atende. Norberto está prestes a embarcar no seu jato particular quando Luís Miguel e Kandimba chegam. Luís Miguel pede a Norberto que se ponha no lugar dele e que imagine se o seu filho estivesse a 5 mil kms com um problema grave o que é que faria.

Mara pede ajuda a Neuza porque alguma coisa se passa com Lueji, uma das gémeas.

Yolanda e Kandimba chegam a casa dos Sacramento para informar que Luís Miguel já vai a caminho de Luanda no jato de Norberto. Yolanda conta a Kizua que conseguiu convencer Norberto a levar Luís Miguel no seu jato para Luanda. Diz-lhe que Artur não pode nem sonhar que foi ela que o ajudou.

Pilar e Jorge têm uma discussão acesa sobre Yolanda. Jorge afirma que só quer ajudar o filho e sabe que nesta ida a Luanda ele pode vir a descobrir todos os esquemas da mãe.

Bino e Isabel vão a casa de Artur oferecer ajuda para o que ele precisar. Bino sente-se culpado por naquele dia não ter sido ele a dar boleia a Mara. Guilherme Torres informa que Norberto e Luís Miguel já vêm a caminho de Angola. Artur sente-se perturbado e traído.

Radu pede informações de Norberto a Daniela mas esta afirma não saber de nada. Radu torce-lhe o braço em jeito de ameaça e Daniela desaba a chorar no sofá, assustada.

Camacho e Laura falam do plano combinado. Camacho não quer admitir ter alguns ciúmes de Radu quando Laura está no papel de agente infiltrada.

Pilar conta a António da ida de Luís Miguel para Luanda e teme que a verdade sobre o atentado seja descoberta.

Sara e Diogo falam da ida de Luís Miguel para Angola e comentam como estará Pilar. Falam sobre o casamento e ponderam fazê-lo na quinta do Douro. Sara pergunta a Diogo se António já lhe fez a proposta de trabalho.

Tânia pergunta a Radu porque está tão arranjado e ele diz-lhe que vai fazer um casting a uma espanhola para a Angels.

Laura, que aguarda por Radu no corredor da zona dos quartos do hotel, tenta seduzi-lo no intuito de o levar para o quarto de António, mas sem sucesso. Laura reporta a Camacho que não conseguiu entrar no quarto de António pois parece-lhe que estava lá outra pessoa.

Neuza prepara um saco com umas roupinhas de Mara e lamenta que o parto das gémeas tenha sido daquela forma.

Artur continua revoltado com a vinda de Luís Miguel a Luanda. Isabel aconselha-o a esquecer as guerras com Luís Miguel.

Na sala dos Sacramento, Henrique diz à família de Luís Miguel que ele ainda aguarda o visto especial para poder entrar em Angola. Se o visto não for concedido, Luís Miguel terá de voltar para Portugal. Mitó conta o que aconteceu com Mara e com as gémeas, fruto do que Isabel lhe disse.

Neuza e Bino chegam ao hospital e Isabel coloca-os a par da situação dos bebés. Bino continua a sentir-se culpado por não ter dado boleia a Mara.

Episódio 171

Mara desabafa com Artur e sente-se culpada por se ter afastado de Luanda com o nascimento das gémeas quase a acontecer. Artur apoia-a dizendo-lhe que agora vai receber o tratamento necessário e que vai correr tudo bem.

Luís Miguel, Norberto e Arsénio chegam ao hospital. Norberto conta ao pai das bebés que uma delas está com um problema. Norberto avisa-o que vai ficar de olho nele.

Bino resolve avisar Luís Miguel que Artur também ali está a acompanhar Mara. Ambos se cruzam na sala de espera e o ambiente é de tensão.

Luís Miguel pergunta como estão as bebés e Mara leva-o a ver as filhas explicando como teve de reanimar Lueji que nasceu com o cordão umbilical à volta do pescoço. No entanto, ela ainda corre risco de vida.

Yolanda comenta como foi ela quem informou Luís Miguel do nascimento das meninas, mas fica preocupada que o filho descubra.

Pilar queixa-se a Berta que Yolanda só fez o que fez para cair nas boas graças de Jorge.

Sara informa os pais de que já marcou a data de casamento com Diogo e que vão realizar a cerimónia na quinta do Douro e será António a conduzi-la ao altar. Jorge fica sentido, mas ela riposta de que ele nunca foi um pai para ela.

Norberto explica a Artur, que lhe pede satisfações pelo sucedido, que não podia impedir a entrada de Luís Miguel no país.

Luís Miguel critica Mara por mal ter esperado para casar com Artur, mas esta recorda que não recebeu um telefonema dele em quatro meses. Ele não esquece as acusações contra a mãe, ela garante que a única coisa que ainda os une são as duas meninas.

A bebé Rosarinho está com uma taquicardia e é assistida pelo médico.

Francisca volta dos Estados Unidos e é recebida pela família. Pilar anuncia que pode ter de ir a Luanda para apoiar o filho.

Jorge acha que a mulher apenas pretende ir a Angola para evitar que Luís Miguel confirme que ela esteve envolvida no atentado a Norberto.

Henrique promete a Concha falar com Mitó nesse mesmo dia. Francisca comenta que estar fora do país lhe faz bem, mas ainda não arranjou namorado.

Bruno pergunta à mãe se ela sabe que Henrique e Concha andam a dormir juntos. Ela admite que sim, mas receia que Henrique a ponha fora de casa ao descobrir que ela sabe. Henrique chega entretanto e tenta falar com ela, mas ela desvia a conversa, mostrando-se preocupada com a saúde do bebé.

Mitó acusa a empregada de espiar o que se passa em casa para contar a Concha. Henrique exige a Rosalina que a trate com respeito.

Rosalina revela a Concha que Henrique a ameaçou pôr fora de casa, garantindo que Mitó é cheia de manhas e só sai se for corrida a pontapé.

Orlando conta a Santiago que vai deixar de viver em casa de Concha, agora que trabalham juntos, e confessa que tem ciúmes do ex-marido dela. Santiago fica surpreendido ao rever Francisca. Ela ganha coragem e pergunta-lhe se ele continua com Rafaela. Ele admite que sim e ela força um sorriso.

Neuza sente-se culpada por não ter procurado ajuda quando Mara entrou em trabalho de parto. Arsénio tenta consolá-la.

Rosarinho fica melhor e Mara e Luís Miguel choram lágrimas de alegria.

Quinze dias depois, Bino comenta com Isabel que Luís Miguel vai buscar as filhas ao hospital.

Norberto está contrariado por Luís Miguel continuar a Luanda, mas a filha garante que será apenas por alguns dias. Ela mostra-lhe uma foto das netas.

Yolanda vê uma foto no telemóvel e comenta como é estranha.

As irmãs e os filhos de Luís Miguel comentam a foto das gémeas.

Pilar e Berta chegam a Luanda.

Norberto tem de ir a Lisboa falar com o médico de Júnior, mas não quer deixar a filha sozinha.

Ele sai de casa, rodeado por repórteres e fotógrafos, e parte para o aeroporto.

Luís Miguel fica chateado por a mãe ter ido a Angola sem o avisar. Ela garante que só pretende ver as netas.

Mara e Luís Miguel vão buscar as netas ao hospital, agora que Rosarinho está recuperada. Ele garante que não vai desistir das filhas.

Pilar chega a casa da família Venâncio com Berta e é abordada pelos repórteres.

Mara e Luís Miguel veem pelo corredor do hospital com as gémeas.

Pilar questiona Neuza sobre a presença da imprensa, mas ela diz que não pode contar o que sabe.

Mara, Luís Miguel e Bino chegam a casa com as bebés.

Luís Miguel mostra as bebés à mãe. Rosarinho tem a pele negra e olhos escuros, Lueji é muito clarinha, com penugem loura e olhos azuis.

Clara explica à família que se trata de um caso raro quando dois óvulos são fertilizados ao mesmo tempo. Henrique comenta que a imprensa angolana tem dado muito destaque ao caso.

Júnior está em coma induzido, porque os pulmões entraram em colapso. Luena desaba a chorar, muito assustada com a possibilidade de o filho morrer.

Norberto chega de jacto a Portugal e diz a Arsénio para ir logo para o hospital.

Luena avisa Norberto que se não aparecer um dador compatível, Júnior vai morrer. Os dois choram juntos.

O médico de Júnior explica aos pais que a situação do menino se agravou nos últimos dias. A única opção que lhe resta é um transplante dos pais.

O pneumologista explica que serão retirados dois pedaços dos pulmões de Norberto e Luena para colocarem em Júnior, mas que necessitam de confirmar a compatibilidade. Ele avisa que a técnica acarreta riscos para dadores e paciente. Ambos dizem que é para avançar.

Episódio 172

Norberto e Luena olham para o menino que continua em coma.

Luena faz os testes de compatibilidade. Norberto também faz os testes. Luena desce da balança e é encaminhada para uma sala de RX. Luena está nervosa com o procedimento.

O médico revela-lhes que os resultados dos exames serão conhecidos no dia seguinte e, se tudo correr bem, farão o transplante de imediato. Luena agradece a Norberto, ele realça que está disposto a dar a vida pelo filho, apesar de tudo o que ela lhe fez.

Mara fica apreensiva por causa do transplante. Luís Miguel tenta confortá-la e Artur chega entretanto e franze o sobrolho ao vê-los juntos.

Neuza diz a Luís Miguel para se ir embora, acusando-o de ter duvidado e desistido de Mara. Ele garante que não desiste das filhas.

Pilar faz uma leitura racista da situação das duas bebés.

Luena sente-se culpada e promete chegar a acordo com Norberto se o filho sobreviver à operação.

Norberto promete a Arsénio compensar o filho por tudo o que se passou.

Comovida com a situação de Júnior, Sílvia realça ao marido que a separação deles tem sido injusta para os filhos, mas acabam a discutir, incapazes de aceitar os novos namorados de ambos.

Henrique explica a Concha que ainda não conseguiu falar com Mitó porque ela tem estado fora junto da mãe doente. Ela acusa-o de ser ingénuo. Ele promete falar com ela mal ela regresse e os dois beijam-se apaixonados.

Mitó está em casa de Isabel. Ana Maria manda-a embora de casa, apesar das insistências dela. Mitó faz o saco, de rastos.

Concha assegura à filha que Henrique vai falar com Mitó mal ela volte de casa da mãe.

Ramiro avisa Bruno que Clara não vai gostar de saber que ele alinhou nos esquemas da mãe.

Mara garante a Artur que Luís Miguel regressa em breve a Lisboa, garantindo que já só têm as duas filhas em comum.

Luís Miguel conta a Bino por que se separou de Mara. Ele ficou sentido por ela ter decidido casar com Artur. Mara e Luís Miguel esperam chegar a acordo por causa das filhas.

Pilar sugere a Berta que dividam as crianças e eles ficarem com a branca.

Luena comenta que Norberto tem sido um pai extremoso com Júnior. As amigas tentam saber o que ela pretende fazer em relação a ele se o menino sobreviver.

Arsénio pergunta a Norberto se ele vai mandar Luena para a cadeia se o menino sobreviver, mas ele não responde.

A secretária de António avisa-o que ele recebeu um telefonema do mesmo homem de antes, mas que ela o informou que ele tinha a agenda cheia.

António sai do escritório. Radu encontra-se com Laura.

Norberto cruza-se com Jorge na construtora. Os dois olham-se em confronto. Jorge garante que as duas famílias estarão sempre ligadas por causa das gémeas.

Os pés de Sebastião aproximam-se de uma campa. Ele recorda como António, com dez anos, lhe perguntara as circunstâncias da morte do pai. Este aparece e acusa-o de não lhe ter contado a verdade.

Sebastião revela a António que o pai de Norberto foi assassinado e que o pai dele não morreu como um herói como lhe contaram. Ele insta-o a desistir de se vingar de Norberto, mas António diz-lhe para se meter na vida dele.

António pergunta a Daniela que trunfo tem Norberto contra ele, mas esta garante que não fala com ele há quatro meses. Ele exige que ela fale com ele para sacar informações, agora que ele está fragilizado por causa do filho.

Camacho conta a Norberto como Laura seduziu o empregado de António, Radu, para sacar informações. Entretanto, esta quase é apanhada em flagrante no quarto de António. Norberto sente que António o odeia, mas não sabe porquê. Radu desculpa-se a António de que estava a fazer um casting para a Angels. Ele ordena-lhe que não volte a acontecer.

Joana e Kandimba disputam o telefone para falar com o pai.

Pilar tenta convencer o filho a regressar a Lisboa. Ele diz-lhe que não vai desistir das filhas. Ela guarda uma arma na mala e sai do hotel.

Pilar encontra-se com um homem negro, grande e ameaçador, e entrega-lhe um envelope com dinheiro.

Sebastião pede a Pedro que não deixe os netos sozinhos, porque teme pela segurança deles.

Sílvia fica surpreendida ao saber do pedido do pai. Ele acha que é por causa de Ramiro ser um ex-presidiário e agarra-o pelos colarinhos. Ela garante que o namorado não tem nada a ver com a situação.

Norberto vela por Júnior, enquanto conta a Mara em que pé está a cirurgia.

Ela percebe que o pai está cheio de medo. Neuza tenta animá-la.

Episódio 173

Norberto confessa a Arsénio que, pela primeira vez, pode contribuir para o bem do filho. Luena fica comovida ao ouvi-lo.

Daniela recorda a ameaça de António e toma uma decisão.

Norberto observa Júnior em coma e Luena a dormir, com sentimentos mistos.

Daniela visita Norberto no hospital, que fica surpreendido.

Norberto agradece o apoio a Daniela, dizendo-lhe que ela merece recuperar a filha, o que a deixa constrangida.

Luena acorda e é chamada ao gabinete do médico.

O médico explica a Luena o que se passa com Júnior. Ela afunda em desespero.

Luena cruza-se com Daniela à saída do gabinete e esta percebe que algo está errado.

Emocionada, Luena revela a Norberto que ele não é o pai de Júnior, assegurando que não o tentou enganar. Ele fica incrédulo com o que ouve e sai desabrido.

Norberto caminha perdido pelo corredor do hospital.

Norberto pega no carro e arranca a toda a velocidade.

O médico aconselha Luena a contactar o pai biológico de Júnior porque é a única possibilidade de o filho dela sobreviver.

Luena conta, desesperada e sem saber o que fazer, a Rafaela que o pai do filho não é Norberto. Mara fica preocupada por não ter notícias do pai. Artur recebe um telefonema e sai para um encontro.

Berta tenta saber o plano de Pilar, mas ela disfarça.

Dececionado e frustrado, Norberto recorda o nascimento de Júnior, anos antes.

Arsénio tenta saber o que se passa, mas Rafaela acha que deve ser o patrão dele a contar.

Luena toma um banho de imersão, quando Norberto aparece e a tenta afogar, acusando-a de o ter enganado. Ela debate-se desesperada. Ele não a mata, porque não quer deixar Júnior sozinho, mas promete que ela se vai arrepender.

Concha e Mitó cruzam-se na hamburgueria. Concha mostra as últimas compras para o bebé e Mitó critica o mau gosto dela. Ela reage, mas fica sem palavras quando Mitó exibe um colar de pérolas que Henrique lhe ofereceu depois de uma noite de paixão.

Sara conta ao noivo a reação de Jorge ao saber que ela pretendia casar na quinta de António. Ele aconselha-a a esquecer o passado, agora que estão novamente juntos e beija-a. Ela corresponde, apaixonada. Radu observa-os.

Concha entra de rompante no gabinete de Henrique, apesar dos esforços da estagiária para que ele não seja incomodado.

Ela acusa o ex-marido de não ter contado nada a Mitó e ainda lhe ter dado presentes. Ele garante que ainda não a viu desde que ela voltou. Concha exige que ele a ponha fora de casa se quiser voltar a dormir com ela.

Radu avisa o patrão de que Sara e Diogo andam a namorar e oferece-se para tomar conta do assunto. Este diz que não será por muito tempo.

Francisca aconselha o pai a não ir contra a vontade de Sara, se quer recuperar a confiança dela.

Henrique tenta ter uma conversa séria com Mitó, mas ela anuncia que lhe rebentaram as águas e corre para a casa de banho.

Ele fecha-se dentro da casa de banho. Henrique fica aflito.

Mara e Neuza tomam conta das gémeas. Ela recorda os conselhos de Rosário.

Arsénio avisa Yolanda de que Norberto saiu disparado do hospital e não sabe o que se passou.

Norberto revela à filha que não é pai de Júnior. Mara tenta confortar o pai.

Pilar oferece-se para ajudar Artur a conquistar Mara e a separá-la definitivamente do filho, mas ele recusa entrar nos esquemas dela.

Luís Miguel fica boquiaberto ao saber que Júnior não é filho de Norberto, mas está convencido que Luena não sabia. Mara diz-lhe que as gémeas ficam com ela, apesar de ele insistir em dividir o tempo. Ele promete não desistir.

Norberto admite a Arsénio que nunca desconfiou da palavra de Luena, certo de que ela sabia a verdade. Esta confessa às amigas que não sabia que ele não era o pai. Sílvia pergunta-lhe quem poderá ser e Luena recorda uma noite passada com um homem, mas não lhe vemos a cara. Rafaela percebe de quem se trata. Luena garante que, se depender dele, Júnior não se salva e quebra em choro.

Não rebentaram as águas a Mitó, mas a médica explica que é uma confusão natural. A médica nota a tensão de Henrique e aconselha repouso a Mitó porque, com a idade dela, a gravidez é de risco.

Santiago pergunta a Orlando quando ele se muda para a casa deles. Este explica que ainda não falou com Concha, porque ela anda obcecada com Mitó.

Francisca tenta concentrar-se na aula de hip hop, mas Clara realça que Santiago está a olhar para elas.

Jorge promete à irmã falar com Henrique se ele não contar a Mitó o que se passa.

Categorias
Televisão

Comentários