Social

Simone de Oliveira envolvida em polémica

Na passada sexta-feira, a Ordem dos Farmacêuticos entregou uma providência cautelar para suspender imediatamente os anúncios publicitários do suplemento alimentar Calcitrin MD Rapid, protagonizados pela cantora Simone de Oliveira.

Em declarações ao jornal PÚBLICO, a veterana artista defende-se: «É um problema dos donos da empresa. Eu fui contratada para fazer um anúncio e acho que o produto é bom. São produtos naturais, as farmácias não gostam».

A Autoridade Nacional do Medicamento alerta que o produto não é um medicamento e não está isento de risco para a saúde, pelo que recomenda a não utilização para a prevenção ou tratamento de doenças.

Categorias
Social

Comentários