Televisão

«A Quinta: O Desafio»: Cláudio Ramos celebra vitória do irmão Luís Nascimento

Minutos depois da consagração de Luís Nascimento como vencedor de «A Quinta: O Desafio», o seu irmão, Cláudio Ramos, celebrou com um texto no seu blog Eu, Cláudio!.

… Ele é teimoso como pouca gente que conheço o que nem sempre é bom. Mas é perspicaz e muito inteligente. Não ganhou um Nobel nem inventou a vacina da gripe, mas venceu pela segunda vez um programa destes e na história destes programas isto nunca aconteceu. Fica, portanto, na história deles. Eu não queria que ele entrasse. Ele, teimoso entrou. A partir do meio do programa tinha muito definido que seria o possível vencedor. Seria estranho vencer. Mas, como já o tinha dito e escrito, seria o justo vencedor. Escreveu-se muita porcaria. Há muito bons jornalistas da área em Portugal, mas há também muitos jornalistas que são puros “junta-letras” que não sabiam o que escreviam afirmando absurdos sem sequer se dignarem ligar-me. Tentaram ofender-me a mim e à minha família. Ficámos  calados. Porque somos assim. E porque somos assim? Porque somos uma família. E esse tipo de jornalistas (não todos) não percebem que nem todas as pessoas que fazem estes programas são feitas da mesma massa e não se comportam da mesma maneira fora do programa. Ficou agora claro. Com a resposta dada com o silêncio! Parabéns ao meu irmão “bebe” com quem nunca me zangaria por uma coisa destas. Mas acima de tudo parabéns aos meus pais, que fizeram de nós gente preparada para lidar com gente que não está preparada para coisa nenhuma! Estou orgulhoso de ti. Vale o que vale. Mas estamos orgulhosos! (E vaidosos)

 

Para ver o artigo original, clique aqui.

Categorias
Televisão

Comentários